Tudo, mas a menina 2018

Charlotte é uma garota muito alegre, que por trás do sorriso esconde uma doença extremamente rara que a faz ser a menor menina do mundo. Ela sofre de nanismo primordial, uma condição do nanismo que afeta somente cerca de 100 pessoas em todo o mundo. Menina de 13 anos morreu na Alemanha por usar máscara e aspirar CO2? A informação caiu como uma bomba nas redes sociais e alimentou, ainda mais, a ilusão dos negacionistas da pandemia. Mas apesar de tudo isso, a denúncia de que as máscaras mataram a menina em questão não procede. Com apenas 19 anos de idade, a cantora e compositora, Liriany Castro, Acaba de lançar o seu primeiro álbum discográfico intitulado “Menina Mulher” composto por 15 faixas músicas e com várias participações. “Sempre sonhei com tudo isso que estou a viver agora! Desde pequena que canto e escrevo as minhas músicas. Podem não acreditar, mas tenho três cadernos com composições ... Passei o ano de 2017 todo pensando em ENEM, vestibular, prova, passar de ano, e tudo mais. Acabei me dando bem até, eu fiz 2 vestibulares e graças a Deus passei em ambos. Não, não fiz federal, pois o curso que eu queria só tinha em outra cidade, então, daria na mesma pagar a faculdade aqui na minha cidade ou moradia na outra. Helena ultrapassou Alice em 2018 e é o novo nome de menina mais usado no Brasil, de acordo com o tradicional ranking de nomes de bebê do BabyCenter.Alice estava em primeiro lugar desde 2015. Laura e Manuela superaram Sophia e Valentina e agora ocupam o terceiro e o quarto lugar no ranking de nomes femininos. Cecília, em 14o lugar, e Eloá, em 15o, são nomes de menina que estão subindo ... Esperando uma menina, Alok evela sonho com a filha que perdeu em 2018: 'Só não esquece de mim' O DJ e a esposa, Romana Novais, descobriram cedinho na manhã de hoje que Ravi terá uma irmãzinha. Feliz e emocionado, o papai contou o motivo de já desconfiar do sexo e afirmou: 'Ela reapareceu com tudo. Nossa filhota tá vindo aí agora' E os olhos fechados reabriram de repente. E descobrimos que o coração estava a bater novamente e o corpo mexeu-se', contou o pai da menina, Ngasiyo, ao jornal digital indonésio Detik. A família chamou assistência médica, que providenciou assistência respiratória e oxigénio, mas a menina acabaria por falecer novamente uma hora depois.

Segunda chance ok, agora terceira, quarta e quinta ...

2020.09.18 02:40 iamassuregi Segunda chance ok, agora terceira, quarta e quinta ...

Preciso tirar isso do peito kkkkk então isso é longo
Eu conheço uma garota desde a sétima série, hoje tenho 24 anos. Essa garota por muito tempo foi minha amiga, mas sempre meio com vergonha. Kkkk eu não tinha uma boa aparência na época (e em minha defesa todo adolescente é feio) e hoje, olhando para trás, sinto que ela tinha vergonha de mim.
Em 2017 ela me apresentou a um amigo dela. Muito estranho, o cara tinha uns 40 anos e era amigo de uma moça de 21... Um dia fui dormir na casa dela, na época levei o PlayStation e ficamos jogando. Uma das irmãs, que tinha 15 anos aparece, totalmente bêbada. E esse coroa trazendo essa menina. Eu fiquei indignada, pois ela estava muito bêbada mesmo, até vomitou e desmaiou. Eu fechei a cara quando vi isso tudo e só pensava em chamar uma ambulância ou a polícia. Lembro que ele falou algo como: "Ela estava na minha casa com a minha filha, tomou só um pouco" e eu retruquei: "Ela tem quinze anos. Não devia ter tomado nada".
Esse foi o meu primeiro erro. O cara pegou raiva de mim aí.
Enfim, noutro dia fui pra minha casa e segui a minha vida.
Na época da escola éramos um trio: eu, essa garota e outro amigo. Esse moleque não era amigo dela há um tempo.
Outra visita a casa dela e ela me pergunta dele. Eu falo a verdade, que disse que nunca mais queria falar com ela. Tinha morrido pra ele. Volto pra minha casa e quanto estou deitada já, vejo uma ligação. Era o coroa me ligando.
Ele gritou comigo, disse que se fosse para eu falar desse amigo que eu não pisasse mais o pé na casa dela. Queria saber o que ela tinha feito pra ele, e eu apenas respondia: pergunta pra ela!
No dia fiquei morrendo de medo. Depois chorei de raiva. Mandei uma mensagem pra ela, dizendo que precisávamos conversar. No outro dia ela me respondeu, dizendo que iria falar com ele. Depois veio com uma conversa que não podia escolher lado pois não tinha ouvido a ligação para dizer o que cada um disse.
Depois disso me afastei, me ocupei com trabalho. Respondia ela pouco. Meu erro também, devia ter bloqueado nessa época. Também comecei a me arrumar bastante, me cuidar mesmo e a ter encontros kkk (e sim, agora sou bonita)
Ela me chamava para ir na casa dela sempre e dizia: leva o videogame, não tem nada aqui para fazer. Ela mora noutro bairro, muito contramão pra ônibus, então eu andava meia hora com um PS4 mochila, chegava lá morrendo. Eu acabava dormindo lá pois sempre ficava tarde pra voltar. Um dia eu falei pra ela que tava muito zoado para ir, pois estava tendo assalto direto e eu não poderia dormir pois tinha compromisso. Ela disse: então deixa o vídeo game aqui. Depois você busca.
Aí sim eu descobri, ela só queria jogar.
Então fui me afastando, até que ela surgiu meses depois fazendo perguntas sobre esse maldito videogame. Eu não entendo muito, tinha comprado ele no fim de 2016 pois foi uma baita promoção e eu usaria para ver vídeos do YouTube e alguns jogos que eu tinha visto gameplay. Mas por causa do trabalho quem usava mais era a minha família, para assistir. Então eu realmente não sabia responder nada. Foi uma semana de questionamentos até ela me pedir a minha conta da PSN. O coroa tinha dado um videogame para ela. Meu sangue ferveu, e eu disse que não. Ela veio com uma conversinha do tipo: "você não confia em mim?" Eu apenas disse: "sei que você não vai pegar nenhuma informação minha, mas não empresto pra você. Meses sem falar comigo e quando volta quer favores?".
Ela sumiu por três dias e quando voltou disse que não poderíamos mais ser amigas. E começou a escrever um textão. Eu simplesmente dei block e deletei o número. Isso foi no fim de 2018.
Nessa época eu estava meio mal, mudei para um emprego de meio período e fui passando sem comprar muita coisa. Vendi o videogame e resolvi estudar para entrar numa universidade. A situação financeira aqui em casa apertou tanto que eu praticamente sustentei a casa por uns meses com um salário de meio período. Deixei muito currículo mas nem chamavam... Enfim.
No fim de fevereiro desse ano entrei no meu Facebook e tinha várias mensagens dela, das irmãs, pedido para eu mandar mensagem pra ela. Eu sou muito curiosa, então não aguentei. Passei o meu número para a irmã e disse que entrar em contato comigo. Ela falou comigo e pediu desculpas.
E eu aceitei, pois estava numa paz e estava tentando mudar, ver o melhor nas pessoas. Estava muito de boas mesmo.
Ela veio perguntar da minha vida, eu disse que estava estudando e trabalhava algumas horinhas por semana.
Aí ela me pediu uma dicas para estudar pra FUVEST/Enem e acabamos combinando que eu poderia ajudar ela a estudar.
Desde 2019 eu estava muito calma, não me irritava com ninguém e também toda semana tirava um momento pra refletir os pontos da minha personalidade que tinha que melhorar. Mas eu fiz um grande erro: ser gentil não é ser otária. E eu estava sendo uma otária.
Acabou que o corona apareceu e bagunçou a vida de todo mundo, mas continuamos nos falando. Ela comentava lugares que queria ir e eu dizia "ah, depois do corona a gente vai". Acabou que a primeira oportunidade foi esses dias, quando sp começou a permitir que cursos extracurriculares voltassem. Decidi que iria fazer um curso de japonês, pois estava meio deprimida e queria algo para ocupar a cabeça. Chamei ela para dar uma olhada comigo na unidade da escola.
Eu já tinha comentado com ela que estava ficando bem ocupada recentemente, então podia ser que eu esquecesse de ver as mensagens. Falei pra ela que sábado ficaria fazendo um trabalho. Então sábado de manhã fomos ao curso de japonês e quando voltamos ela se convidou para ir na minha casa. Eu, por causa de estar ocupada e cansada, não queria ninguém aqui, então só disse que outro dia a gente marcava.
Depois disso ela nunca mais de respondeu. Ela tinha parado de falar com o coroa quando voltou a falar comigo, mas deve ter voltado.
Essa novela é tão grande e ruim que vou acrescentar uns detalhes aqui:
O que eu aprendi de tudo isso? Não fique perto de quem faz mal pra você. Seja gentil, mas não seja besta.
submitted by iamassuregi to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 04:31 Humble_Author4284 melhor amigo?

Vai ser um pouco longo, so avisandokk
Bom, tudo começou em 2017 quando eu me mudei de cidade e escola, tudo novo. Mas logo no segundo dia ja consegui fazer amizades e taus com 2 meninas (vamos chama-las de mile e ana) e um menino (vamos chama-lo de gabriel). Eles eram super gente boa e me acolheram da melhor forma possivel.
Em 2018 esse nosso grupinho foi se afastando mais quando a mile saiu da escola e a ana começou a ficar mais com as outras amizades dela, mas isso não impedia da gente ainda se falar. Com tudo isso, naquela epoca eu e o gabriel nos aproximamos muito e faziamos tudo juntos, conversavamos sobre tudo, saiamos juntos, era muito foda ter aquela sensação te ter so eu e ele conversando sobre coisas que so eu e ele entendiamos.
Em 2019 a nossa amizade continuou a mesma, mas começamos a ficar mais junto porque a outra ana mudou de sala para ficar com as amigas dela. A gente tava super de boa com isso e taus, mas a gente começou a se afastar um pouco dela, mas nada impedia a gente de dar um oi pelos corredores.
Em março de 2019 eu tive que voltar para a cidade que eu tinha vindo antes de ir para essa, e obviamente eu fiquei muito abalado pq de tanto eu e o gabriel ficarmos juntos, a gente não se preocupou tanto em expandir o nosso circulo social.
(alguns fatos sobre ele que eu esqueci de citar: ele nunca foi muito de sair de casa e nós íamos call todos os dias depois da escola. Não sei se isso vai fazer alguma diferença no futuro da historia mas fizer ta ai)
Continuando.
Obviamente foi otimo voltar pra minha cidade onde eu ja conhecia muitas pessoas que eu tinha crescido junto, e eu ainda ia estudar na mesma escola que eu tinha estudado no passado, então todos os meus antigos amigos estavam la. Mas como o tempo é foda, tudo muda ne. Algumas pessoas não foram mais as mesmas comigo, algumas foram, mas isso é normal.
Desde o começo quando eu voltei eu me sentia meio deslocado naquele ambiente pois algumas pessoas tinhas novas amizades, e eu sou muito timido pra chegar em alguem e falar um oi (tanto que eu demorei 1 semana pra começar a falar com alguem la e ainda era alguem que eu ja conhecia). Mas sempre que eu chegava da escola eu sempre conversava com o gabriel e desabafavamos sobre como as nossas vidas são solitarias e tristes (draminhas).
A nossa relação continuou assim por um tempo, ate que como o de costume a gente foi se afastando um pouco, mas eu sempre tentava mandar um oi e começar uma conversa (ponto importante que eu sempre que mandava o primeiro oi. ele literalmente só meu mandou 1 mensagem pra conversar pq ele tava entediado)
No começo eu obviamente estranhei pq segundo ele eu era o unico amigo dele (pq ele disse que todas as pessoas que falavam com a gente na epoca não falavam mais com ele). Então na minha mente eu imaginava que eu precisava sempre mandar mensagem pq ele dizia que ngm falava com ele (e eu tbm n).
Com o tempo ele começou a não me responder mais e eu ficava sempre muito incomodado com isso, mas sempre que ele respondia mesmo que só um pouco eu ja me satisfazia e "perdoava" ele (as famosas migalhas).
Eu fui me acostumando com isso por um tempo, até que a quarentena começou e literalmente eu só conversava com 2 pessoas (ele e uma outra amiga de outro estado que não vem ao caso na historia). Ou seja, pra eu manter a minha mente sociavel com alguem eu tinha que depender dele que não me respondia só raramente, e dela que é muito ocupada.
Tinham umas epocas que era quase previsto, quando a gente começava a conversar e talvez ir uma call, a gente ficava nesse fluxo por uma semana mais ou menos, e depois disso eu ja sabia que ele ia ficar um bom tempo sem falar comigo de novo.
Eu sei que você pode estar pensando por exemplo que ele quer espaço essas coisa, e eu sei disso, todo mundo precisa eu respeito, tanto que quando eu sei que ele vai passar esse tempo sem falar eu nem tento mandar. Mas recentemente a gente marcou de ver a minha serie favorita, e na hora que ele aceitou ver eu fiquei na maior euforia do mundo, pq 1- eu consegui convencer ele a falar comigo por um tempo; e 2- alguem no mundo tbm ia conhecer essa serie pq quase ninguem no brasil conhece; e 3- que ele tinha realmente gostado da serie quando eu mandei o trailer; mas voltando.
A gente tinha marcado pro dia seguinte assistir, mas não marcamos a hora, então quando chegou o dia eu perguntei pra ele quando eu poderia ligar pra ele e a gente começar a assistir, mas ai se passaram 1, 2, 5 horas e ele não respondeu, eu pensei q sla, ele tava ocupado ou não poderia ver a mensagem, mas no dia seguinte que eu fui ver, ele tinha visualizado e não tinha falado nada. Eu sei, eu juro que é sla, ele pode não poder assistir naquela hora, ou ate não quisesse mesmo, mas custava pelo menos ele responder "não vai dar"?
Eu tinha aceitado ele não falar comigo por um tempo essas coisas, mas eu realmente tinha ficado muito animado na noite anterior (muito mesmo), e ele só ignorou a mensagem.
As vezes eu penso que ele não precisa mais de mim ou coisa do tipo pq ele me disse que comçou a falar todos os dias com um ex amigo nosso e q ele tava gostando dele, eu ovbiamente fiquei feliz por ele (ate pq os antigos relacionamentos dele não foram uns dos melhores, e aparentemente esse cara tbm tava gostando dele ent eu tava de boa), mas eu só me pego imaginando que agr que ele tem ele ele não precisa mais de mim e taus (pq quando ele me disse que tava gostando dele e que ele tava conversando munto com ele por um tempo foi quando ele comçou a realmente se afastar). Eu não sei.
Eu sei se você conseguem me entender, até eu mesmo to me achando meio deplorável lendo isso, mas eu só queria saber se eu que to enchendo o saco ou as minhas paranoias estão certas.
(Mesmo que doa, se for o caso, me digam se eu to errado, pq eu não consigo me auto julgar sem pensar que é coisa da minha cabeça)
submitted by Humble_Author4284 to desabafos [link] [comments]


2020.09.02 18:25 marvinpls desabafos de um LEIGO e AZARADO com iniciação científica na faculdade (parte 1?)

É textão galera, contarei algumas fofocas da minha área, do meu grupo atual de pesquisa, e da minha tristeza dentro dele. Decidi fazer esse post porque neste exato momento estou numa reunião de entrevista para novos integrantes (online), e comecei a viajar sobre a trajetória que fiz nesses 2 anos e meio de estudo.
Tenho 22 anos, atualmente no 11° período (risos), sou homem (isso será relevante depois), e faço psicologia. Nem tudo foi culpa minha, mas assumo que fiz parte do problema.
Em 2018 eu decidi entrar num grupo de pesquisa.
Era mais ou menos em agosto/ setembro, e decidi encher o saco de uma coordenadora de pesquisa no facebook sobre seu grupo na faculdade. Soube por alunos que havia bolsa, que fazer pesquisa era legal, e que poderia incrementar o currículo no futuro. Eu estava no 5° período se não me engano, e meu maior motivador eram os artigos que andava lendo na época sobre vídeo game e psicologia evolucionista (uma síntese entre psicologia, sociologia e biologia).
Depois de um mês esperando e enchendo saco, consegui uma avaliação.
Era uma avaliação simples, haviam apenas 4 perguntas e eram coisa boba sobre interesse, o que eu já havia produzido antes e yada yada. Achei estranho pois em alguns lugares entrar pra pesquisa era mais complicado, e havia entrevista também. Depois de muito tempo fui entender o porquê.
Eu posso dizer que tudo começou com a escolha do projeto de pesquisa, acho que foi aí que começou a bola de neve de problemas, a turbina em chamas do Donnie Darko, ou o momento em que Evan conheceu a Kayleigh em Efeito Borboleta.
Fui orientado à escolher um projeto de pesquisa que já estava em andamento. Haviam vários temas, desde cirurgia bariátrica, porte de arma de fogo e... vídeo game.
Vou ser bem sincero, acho que essa foi a pior escolha que fiz na vida. Vídeo game? Sério? Não tinha uma escolha mais... sei lá, interessante?
Na verdade era. Ainda acho na verdade. Não vou descreditar a área de pesquisa em vídeo games, não faz o menor sentido. Estou produzindo ainda material, e vejo que virou um assunto 'pop' ano passado com a nova adição do CID-11 de transtorno de vídeo game.
O projeto de pesquisa era testar um aplicativo de celular bastante popular que prometia um "melhoramento cognitivo", que em miúdos era tipo deixar você mais "esperto". O projeto era muito difícil, muito mais difícil que qualquer trabalho naquele grupo.
Mas difícil significa que dá pra fazer ainda, né? Não. Não dependia só de mim. Eu e meu grupo (inicialmente composto por 4 pessoas, eu e mais 3 mulheres) tínhamos que conseguir 60 pessoas que QUISESSEM jogar a porr# de um jogo de celular chato pra cacete, inicialmente durante 2 MESES, e ainda havia aplicação de testes psicométricos no começo e no final do treinamento (que demoravam 1hr e meia pra ser concluído, era exaustivo pra caralho).
O mercado de aplicativos de celular é extenso. Na verdade, existe promessa de vídeo game te deixar mais esperto desde a década de 80, com um jogo da Nintendo. Mas esse se dizia ~cientificamente confiável~, e nosso trabalho era justamente testá-lo.
Era minha primeira experiência com produção de material, e estava super animado, mas não era um trabalho só exaustivo pra pessoa. Eu tinha que achar a pessoa interessada (o que era muito difícil), marcar com ela, separar um dia com folga pra fazer os testes, muitas vezes o teste era dividido em dois, totalizando 2 semanas pra começar o treinamento. Esses testes psicométricos eram importantes para avaliar como a pessoa estava antes do treinamento.
Ela treinava por 2 MESES, dias intercalados (o que dava 1 mes jogando no celular), e tinha de ser 1 hora de jogo, que era MUITO CHATO. Sabe aqueles jogos super simples tipo memória, adivinhar uma sequência de números e tal? Então, eram vários desses. E no final, passava-se os mesmos testes do começo, que poderia demorar 2 semanas também, mas se a pessoa quisesse fazer tudo num dia, poderia.
Óbvio que deu errado. O projeto não era tão impossível de fazer, só éramos as pessoas erradas. Normalmente em projetos trabalhosos como esses, são feitos por laboratórios grandes, com um número de participantes grande também. As pessoas passam por uma triagem melhor também, com tempo de folga, e as vezes até são incentivados de uma forma ou outra... mas o nosso não, eram de amigos ou pessoas da faculdade. Alguns amigos se propuseram de fazer, mas foi enfadonho demais.
Material psicométrico é caro. Alguns nem tanto, mas alguns são bem caro. Procurem aquele teste de Rorschach, só as pranchas são quase 800 reais, visto que são importados. Os que eu usava eram R$150, eram vários cadernos que NÃO PODERIA SER RABISCADO. E rabiscaram. A culpa ficou nas minhas costas, mas felizmente não tive de pagar (eu não sei nem como iria arrumar essa grana, afinal universitário é tudo duro, pelo menos do meu círculo era).
Nesse dia foi engraçado. Estava fazendo com duas mulheres, elas pareciam até contentes com o teste, ficaram brincando sobre as questões e conversando comigo. Achei super legal por parte delas de participar de um negócio tão chato. Fiz todos os procedimentos, ressaltei a importância de não rabiscarem o caderno, e que as respostas eram anotadas numa folha separada.
Elas entenderam. Quando viro a cara pra olhar o celular, tá lá a menina marcando tudo de CANETA no caderno. Tive um treco.
Primeiro que o material era caro em si, e segundo que alguns deles não eram meus, nem da coordenadora, e sim da universidade. Ou seja, o problema era maior, porque eu teria que levar na coordenação, pagar pelo material, etc. Por sorte, a minha coordenadora aliviou pro meu lado, e disse que ela resolveria isso.
Outro caso foi com uma senhora. Todos os dias de treinamento a pessoa tinha que me enviar prints por whatsapp contendo os resultados do treino. Muito, mas muito raro as pessoas enviavam todos os dias necessários, e fazia com que 2 meses virassem 3 de tanto que as pessoas começavam a deixar de fazer, ignorar a gente, fazer menos tempo que deveria, e por aí vai...
Mas com essa senhora foi mais difícil ainda. Ela tinha dificuldade com o aplicativo, e tive de marcar vários dias na faculdade pra ensiná-la a jogar e mexer no app. Confesso que eu mesmo não manjava tanto.
Ela dizia que entendia, sabia como printar, e me enviaria. Ela até foi mais esforçada que as outras pessoas que se prontificaram, só que tinha um outro problema. Quando a pessoa não treinava direito, o app não reconhecia os resultados, e assim não dava as paradas que precisávamos computar.
Ela dizia que jogava por 1hr e não gerava resultado. Eu pedia pra que jogasse mais uns minutinhos pra ver se saía, e não vinha nada rs. Ela se dizia frustrada, tava tomando muito tempo do dia dela, e ela ficava com dor de cabeça.
Fiquei muito triste, mais ainda porque não queria fazer ela se sujeitar à isso, e também porque eu estava perdendo um tempão fazendo as pessoas me cumprirem um favor chatíssimo.
Projeto de pesquisa ruim, e agora sobre os integrantes...
Eram 4 pessoas. Duas meteram o pé 1 mês depois que eu entrei no grupo. Uma delas estava terminando a faculdade, e disse que estava muito ocupada para se envolver com grupo de pesquisa. Até hoje não sei se era verdade, mas tudo bem, cada um sabe onde o calo aperta.
A segunda menina saiu porque havia arrumado um em estágio remunerado. Fico feliz por ela, e ao mesmo tempo com inveja kkk ("inveja branca", como dizia minha mãe) queria muito ter conseguido um também. O problema é que ela era a mentora da parada, e ela tinha muitas fichas importantes sobre o projeto que ela >não deu pra gente quando saiu<. Ela vazou e ficou de mandar algumas paradas importantes, como fichas de pessoas que já haviam feito todo o treinamento. Enrolou por vários meses, e no final não entregou porque não sabia onde estava. Ou seja, parte do progresso havia sido perdido.
Restou eu e uma outra menina que era super interessada e participativa. Ela ainda está no grupo comigo hoje.
Como o texto tá grande pra caralho, vou deixar assim mesmo. Ainda tem bastante coisa pra contar, mas se calhar de uma parte 2, eu escrevo e mando aqui depois. Espero não estar enchendo o saco de vocês com um textão desse, vou repensar se continuo desabafando sobre esse problema kkk.
submitted by marvinpls to desabafos [link] [comments]


2020.08.31 02:36 HedgehogFriendly Me ajudem a confortar a dor que sinto

Olá a todos!
Tudo começou quando entrei na universidade em 2018. Lembro que o coordenador do curso me perguntou se eu queria ter aula até quinta feira (1° período é bem fácil em engenharia), obviamente que concordei. Jamais pensei que passaria por um dos maiores sofrimentos da minha vida. Lá estava ela, uma menina linda, juro que tentei, mas não consegui controlar meus sentimentos e logo estava apaixonado por ela. A respeito de mim, sou extremamente tímido, sofro de ansiedade,depressão, não tenho amigos e também sofro de solidão. Por várias vezes tentei estabelecer um contato visual com essa menina, mas sempre com cautela pois sei que não sou nem um pouco atraente e ela nunca me deu atenção, ela sabia que eu gostava dela ou pelo menos acho que sabia. Foi assim durante toda a cadeira de física I, quando eu via ela ficava tão nervoso que ficava sem reação. Não era para ter cultivado isso, só sofri por tudo isso. Uma vez doeu muito em mim, tentei olhar para ela e de forma bastante fria ela me ignorou, foi uma das piores coisas que senti na minha vida, meu coração doeu. Mesmo assim, iludido, tentei fazer algo maluco e criei um Instagram com a minha foto (maior vergonha da minha vida) para tentar seguir ela, mas ela não me aceitou, eu tinha um total de 0 seguidores quando mandei a solicitação kkkkkkkkkk. Depois disso só tive contato com ela na última prova da disciplina, percebi que ela olhava para mim, mas, depois de tudo isso, não consegui olhar para ela (sofro de ansiedade). Nunca mais paguei uma cadeira com ela, mas a primeira vez que ela me viu na universidade depois desse acontecido, colocou um olhar para mim que não consegui identificar, não sei se ela estava com pena de mim ou vontade de chorar, mas era direcionado para mim. Ela me tratou muito mal, eu tinha sentimentos por ela e talvez isso tenha pesado na consciência dela. A segunda vez que ela me viu deu um sorriso para mim, talvez de vergonha alheia. Depois disso não olhou mais para mim. Em nenhuma dessas situações tive coragem de agir depois de tudo que já tinha sofrido, todas as rejeições. Eu continuei gostando dela, por mais que não conseguisse demonstrar. Na metade de 2019 o inferno aconteceu, vi ela namorando com outro cara e fiquei bastante triste, não aguentei e me abri para ela, ela se mostrou compreensiva, deu um sorriso para mim, mas, obviamente, ela já estava namorando. Meu mundo caiu, não por causa de uma rejeição, mas por causa da minha vida porque sou uma pessoa muito triste, desde sempre, nunca tive amigos, é o que eu mais quero para minha vida, ter amigos com quem conversar. Além disso, também sofro de ansiedade social, coloquei na minha cabeça que era uma pessoa normal e tentei mudar, mas foi um desastre, só me machucou. Eu estou muito triste agora neste período de pandemia pois não estou saindo de casa, estou muito para baixo, cada vez mais depressivo, queria desabafar. Minha depressão é algo mais profundo, minha vida não foi e não é fácil, a rejeição é um problema comum para mim porque fui rejeitado pela minha família biológica e sou filho adotivo e por esse motivo tenho tanto medo de ser rejeitado mais uma vez. Me perdoem a ortografia, estou muito ruim no momento.
submitted by HedgehogFriendly to desabafos [link] [comments]


2020.08.25 20:52 algodao_nao_doce Os contos da caganeira e da barata

Olá turma, gatas, editores, Luba e qualquer forma de vida aqui presente. Só uma das minhas muitas situações de azar, dor e sofrimento. O ano era 2018, eu estava no meu 2° ano de ensino médio, e tava caindo uma baita chuva nesse dia. Era só um dia chato na escola, só que aí, veio a situação mais aterrorizante pra qualquer estudante: vontade de fazer cococô na escola. Só que esse não era qualquer cococô, era aquela dor de barriga que não dá tempo esperar. Eu simplesmente saí correndo da sala de aula (a gente não precisava avisar o professor nem nada), e uma informação:
Na minha escola, tinham dois blocos, o Bloco B era menor, bem mais novo, e um tanto quanto afastado do A, era usado mais pra aulas extras e nele nunca faltava papel higiênico, o que já era raro de aparecer no banheiro do bloco A, que nem a descarga dos vasos funcionavam. Ou seja, eu desci as escadas desesperada e corri na chuva só pra usar o banheiro. Eu cheguei e pronto, a diarreria desceu, eu fiquei tanto, tanto tempo lá só soltando o barro, enquanto só escutava as outras meninas entrando e saindo do banheiro.
Claro, nessa situação a gente pensa que não tem como piorar, mas vida de pessoa azarada é assim. Entrou uma FUCKING BARATA VOADORA no box e eu com meu medo irracional de barata entrei em pânico e gritei (uma mina que tava lá se assustou e até perguntou o que foi) e fiquei tentando me desviar daquele ser esculpido nas profundezas do inferno até que ela parou na porta do box, eu tirei meu tênis e consegui matar ela.
De extra, quando tudo isso acabou ainda voltei pra sala toda molhada por causa da chuva e como tinha ar condicionado, quase morri de frio pelo resto da aula. Como eu demorei muito, óbvio que meus amigos já sabiam o que eu tinha ido fazer e como ainda cheguei molhada, eles riram bastante, só que nunca souberam da parte da barata. Mas aqui estou eu me expondo, então espero que talvez isso seja o motivo para alguém rir. Bjs <3
submitted by algodao_nao_doce to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.18 03:04 gatasou Destruindo relacionamento de terceiros

Oi, pra você que está lendo esta história. Tudo bem? Espero que sim. No ano de 2018, ocorreu um reajuste em uma das escolas do meu município, essa escola agora teria o período integral, assim fazendo com que alguns adolescentes se mudassem para a escola onde estudo. Eu estudava no período da tarde na classe do 8 ano. Bom na escola que tinha o período integral quantia apenas alunos do ensino médio, dai mais ou menos um grupo de 5 pessoas se mudaram para o 1 ano do ensino médio a tarde. Nesse grupo havia dois meninos que eram bem amigos, vou chamá-los de Rayano e Tatiano, eu achei o Rayano bem bonitinho, mas não tinha coragem de conversar com ele, porque eu tinha uns sérios problemas de baixa autoestima , era sério de verdade desde coisas simples até coisas mais extremas, exemplos: eu me comparava toda hora com a minha amiga porque na minha cabeça ela era simplesmente boa em tudo e também tinha todas as características físicas que um menino gosta, vou chamá-la de Cléo, porque ela meio que faz parte da história. O Tatiano mandou mensagem para mim ou foi eu que mandei mensagem para ele, não lembro direito, conversávamos muito éramos bem amigos e ele já sabia que eu gostava do Rayano. eu ficava o dia inteiro observando o Rayano na escola, para você ter uma noção eu não lembro de nada que estudei naquele ano só lembro que tinha um professor de história surper bom. Continuando o Tatiano contou para o Rayano que eu gostava dele isso foi no meio do ano, dai o Tatino deu uma ajuda para eu conseguir ficar com ele. A gente ficou no mês de outubro, eu e o Rayno era tão burros que ficamos dentro de uma sala na hora no recreio e basicamente todo mundo viu, deu quase um B.O, mas o Tatiano conversou com o espetor e ele deixou passar. No dia seguinte não fui a aula pois não estava muito bem, estava com um nó na garganta (vontade de chorar, não sei porque) um pouco de enjoo e com dor de cabeça, bom era minha ansiedade. O resultado foi, perdi o aniversário do meu amigo e ainda durante o dia que estava em casa recebi uma mensagem desse meu amigo que fazia aniversário dizendo “como você pode fazer isso??” eu sem entender nada perguntei do que ele estava falando ele disse “Esse seu fogo na bunda desmanchou o relacionamento do fulano” e eu perguntei o que aconteceu e ele me contou, resumindo, o Tatiano teria gravado um vídeo quando eu tava ficando com o menino lá e esse vídeo teria chegado, não sei como, na mãe de um amigo meu que achou que era a namorada do filho dela, porque eu sou bem parecida com a menina, bom a mãe do meu amigo fez com que ele meio que terminasse com a garota lá porque ela tinha certeza que era ela no vídeo, eles terminaram. E depois de tudo isso acabei descobrindo que o Rayano gostava da Cléo na verdade. E eu fiz coisas muito vergonhosas só para chamar atenção dele, uma vez inventei que tinha mandado uma carta para ele, era mentira mas realmente eu tinha escrito uma carta para ele, eu lembro que na carta tava escrito várias coisas nada a ver que não fazia sentido nenhum kkkkkkkk. E uma vez eu perguntei para a Cléo se eu podia ver um negócio no celular dela e ela disse que sim, dai eu fui no WhatsApp dela e procurei pelo nome do Rayano e fui até o começo da conversa para ver quem tinha mandado mensagem primeiro, e tinha sido ele, nesse dia eu fiquei muito triste, em casa eu chorei muito. Bom e foi assim que destrui um relacionamento, espero que tenham gostado e vocês não fazem ideia de quanto chorei quando basicamente colocaram a culpa em mim no término do namoro e ainda fico com essa paranoia de que o Rayano ficou comigo por pena. Bom é isso ;)
submitted by gatasou to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.18 01:59 EuRoddy Sou rejeitado por ser fora dos padrões

Amigos, preciso de ajuda.
Sou homem, carioca, tenho 28 anos, sou negro e gay. Embora eu seja uma pessoa normal, não tenho traços bonitos, meu rosto é coberto de cicatrizes e manchas de acne e foliculite, sou alto e desengonçado e sempre tive dificuldade em ganhar peso. Ou seja, sou feio. Talvez isso não seria um problema se minha vida não fosse tão triste...
Desde muito pequeno, sempre soube que era diferente. Embora gostasse de "coisas de menino", sempre percebi que a figura masculina me atraia muito mais que a feminina. Mas, por conta do enorme preconceito do ambiente familiar e na escola, tentei, por muitos e muitos anos, refrear qualquer tipo de sentimento homoafetivo. Sempre busquei me aproximar dos homens apenas como forma de amizade. Felizmente, pude ter alguns amigos ao longo dos ensinos fundamental, médio e superior. Apesar disso, o bullying foi uma constante na minha vida. Sempre fui humilhado, ridicularizado e até agredido fisicamente na minha infância e adolescência por ser um menino sensível, péssimo nos esportes e, sim, feio. Não bastasse a humilhação por parte dos meninos, também era rejeitado por muitas meninas. Na minha tentativa fracassada de tentar ser hétero, acumulei apenas frustrações. Conclusão: terminei o ensino médio, com 17 anos sem sequer ter beijado na boca.
Entre 2010 e início de 2012, passei um dos períodos mais solitários da minha vida. E foi nesse período que minha saúde mental piorou. Ao ter meu primeiro contato com a pornografia gay, me dei conta de que por mais que tentasse, era impossível mudar a minha natureza. Ou seja, eu era gay e teria que me conformar. Porém, logo me dei conta de que ser gay não seria fácil. Além de ter a certeza de que jamais poderia me assumir por conta da religião da minha família, me dei conta de que o meio gay tem um gosto em que não me encaixava: homens brancos, musculosos e bonitos. Exatamente o contrário do que sou.
Quando comecei a faculdade, felizmente encontrei um ambiente diferente de tudo que até então tinha experimentado. Mantendo minha sexualidade escondida, fiz amizades, fui respeitado, saí, me diverti. Porém, faltava algo. Nunca havia namorado. Sequer tinha ficado com alguém. Estava eu com 23 anos sem sequer saber o que era tocar em uma pessoa. Até que, por influencia de amigos, cometi um dos piores erros da minha vida. Tentei namorar uma amiga, a única pessoa que, até então, demonstrou abertamente ter gostado de mim como homem. Meu desespero em me sentir uma pessoa normal falou mais alto, e eu investi nesse relacionamento desde o princípio fadado ao fracasso. Foi nela em quem dei meu primeiro beijo. Mas foi só isso. Embora eu tentasse, não sentia atração sexual por ela. Por mais carinhosa que fosse, eu sabia que não era aquilo que eu queria pra mim. Mas eu não poderia dizer porque tinha vergonha e medo demais para assumir que era gay. Até que um dia, tivemos uma discussão por conta de um amigo que ela não gostava e nossa tentativa de ficada acabou poucos meses depois. Pelo menos eu saí da faculdade tendo beijado na boca. Mas ainda virgem. Aos 25 anos...
O tempo passa. Me limito a saciar minha sexualidade com pornografia e masturbação. Mas só quando dava, porque dividia o quarto com meu irmão. Em 2018 entro no mestrado. Pouco mais de um ano depois, começo a escrever minha dissertação, termino meu estágio numa boa empresa e agora tenho tempo de sobra pra ficar em casa. E foi aí que a coisa piorou mais ainda. Novamente solitário, vieram a ansiedade e os sintomas de depressão. Não tinha ânimo para nada, sentia apenas o desespero por viver uma vida de merda, sem emprego, fazendo algo que detestava, e sem nunca ter tido a oportunidade de ser quem eu realmente era. Até que, decido a finalmente viver minha sexualidade, criei uma conta em um app de encontros gay, o Grindr. Tentando ter minha primeira experiência sexual, já aos 27 anos, acabei dando de cara com outra realidade: a do preconceito no mundo gay. Sendo negro, pobre, magro e fora de qualquer ideal estético, só encontrei mais rejeição. Algumas poucas e raríssimas vezes, tive momentos de felicidade ao não ser bloqueado por alguns caras, a maioria desses apenas por causa do meu pênis, certamente a minha única qualidade reconhecida pelos gays. Por quatro meses, busquei me relacionar com alguém, sem nenhum êxito. Até que em 4 de março desse ano, tive a chance que mais queria. Perder a virgindade. Mas o que parecia bom, foi na verdade uma das piores sensações da minha vida. Ao chegar na casa do rapaz, que morava a uns 500m da minha casa, me foi dado apenas o direito de fazer sexo oral e receber o esperma dele. Migalhando um pouco de prazer, me arrisquei fazendo sexo sem camisinha com um cara que nunca tinha visto na vida. Não rolou beijo, não rolou conversa, não rolou carinho. Apenas tive 10 minutos de sexo e fui pra casa. Uma semana depois, conheci outro cara, de 38 anos, lindo. Definitivamente a melhor coisa que poderia acontecer. Quando nos encontramos, ele pegou na minha mão, conversou comigo e me deixou à vontade. E transamos. Ou melhor, tentamos. Dessa vez, a minha total inexperiência me brochou. Ele gozou, eu não. Aliás, também não gozei na minha primeira transa. Perguntei a esse cara se eu o tinha decepcionado, ele disse que não, que deu errado pelo nervosismo. Acreditei nisso. Até que um dia, ele me chamou para ir à casa dele, à noite. Por medo de dar errado de novo, e pra não gerar desconfiança em casa, não fui. E o cara que eu achei compreensivo, e o primeiro homem que beijei, aos 27 anos, passou a me ignorar. Semana passada, tive uma das piores crises de ansiedade que já senti. Chorei de domingo a sexta. Tentando me aproximar dele de novo, pedi sua ajuda. Disse que estava me sentindo mal. Perguntei a ele se ele tinha me achado realmente atraente, se ele sentiu tesão em mim. Ele disse que iria responder, que estava digitando e que mandaria a resposta quando pudesse. Até agora nenhuma resposta. Me senti rejeitado de novo. Mas nada está ruim que não possa piorar...
Continuando minha busca por viver minha sexualidade, encontro cada vez mais nãos. Quando inicio uma conversa enfiando foto, sou bloqueado. E nas situações em que a conversa passa do oi, todo interesse do outro lado acaba quando mostro meu rosto e meu corpo. Cada vez mais minha autoestima diminui. Me sinto um lixo. Desde janeiro faço academia, já ganhei peso (embora ainda magro), tenho cuidado da pele do rosto e já até adotei um penteado mais moderno, mas tudo que eu tento fazer para ser alguém atraente de nada adianta. Sou preterido por ser fora dos padrões. Me sinto feliz por saber que ao menos uma vez pude beijar e me relacionar com alguém. Mas a certeza de que dificilmente irei encontrar alguém com quem possa dividir bons momentos me entristece demais. Aos 28 anos, nunca namorei. Nunca soube o que é me apaixonar. Não sei o que é sair com um namorado. Não sei o que é ser amado. E por mais que eu tente ser bom nas outras áreas da minha, a solidão é dolorosa demais. Sinto vontade de morrer. Minha comunidade me rejeita.
Sou infeliz.
submitted by EuRoddy to desabafos [link] [comments]


2020.08.16 07:40 FantasticElf Fui a babaca ao não saber que minha amiga havia me bloqueado?

Olá Lubixco sem queixo, papelões, gatas, espíritos que passam pela porta do luba, editores e turma que está a ver. A história que está citada no título será contada ao final, pois primeiramente preciso explicar e citar algumas coisas para que faça mais sentido.
Para não ter que explicar isso no meio da história vou colocar como cada pessoa que faz parte da história será chamada:
Borboleta; eu mkkk Libélula; a amiga em questão Urso; meu melhor amigo e gosta da Libélula Girafa; melhor amigo de libélula Peixinho1; amigo de todos do grupo Peixinho2; um amigo do qual libélula gostava, porém não faz parte desse grupo de amizade e que será chamado de Peixinho2 porquê ele e Peixinho1 tem o mesmo nome
Tenho essa amiga que conheço ela desde 2018, nos tornamos amigas e depois melhores amigas, somos bem próximas e nos consideramos irmãs, e até brincamos coma ideia de ser irmãs gêmeas considerando que somos bem parecidas fisicamente e gostamos de muitas coisas em comum. Mas desde 2019 ela ficava puta comigo sem motivos aparentes, tipo o fato de eu sempre demorar para responder e ter amigos os quais ela não gostava, acontecia poucas vezes e eu não ligava muito, pois no final a gente sempre ficava de boa, porém desde o começo da quarentena tem ficado muito mais frequente, e chegava ao ponto de ela me bloquear.
Uma recente briga e que ainda faz nosso grupo de amigos começar a discutir é quando um dia, Urso me manda um print onde ele e Girafa estavam conversando e Girafa falava que Libélula gostava do Peixinho, Urso me pergunta se era verdade e eu fugi do assunto falando como Girafa estava com uma cara de cu na foto do perfil mkkjs, no final falei que sim, e ele falou "Ela gosta do PEIXINHO1?" Eu falei que não e expliquei que era o Peixinho2. Nesse meio tempo Girafa me mandou uma mensagem falando "Só confirma tudo que ele pedir" eu mandei um Q, sem entender nada, pois ainda não leio mentes para saber de quem e do que ele falava. Exatamente 5 minutos depois de Urso me perguntar quantos anos Peixinho2 tinha, Libélula mansa 3 áudios no grupo do WatsApp, o primeiro ela falava "Borboleta, eu pedi pra você contar alguma coisa? eu pedi?" O segundo ela falava "Fodase vai no grupo mesmo, todo mundo já tá sabendo mesmo" e o terceiro ela falava que estava com vontade de me espancar e esfregar a minha cara no chão mkkk amizade boa é essa. Depois disso Urso falou pra ela se acalmar e depois começou a brisar falando "que as vezes nao da nada, mas as vezes da tudo", Girafa como o belo filho da puta que é falou que só dava risada, depois todo mundo começou a discutir e eu só fui saber disso quase uma hora depois quando a merda toda já estava feita e nem tempo para me "defender" tive, joguei a culpa para cima de Girafa, porquê estava puta com ele e em parte a culpa era dele mas também minha, agora vejo que estava errada em jogar tudo em cima dele. No outro dia já estava tudo de boa e resolvido, apesar de eu ainda querer socar a cara de Girafa.
Outra coisa que ela sempre joga na minha cara, é o fato de eu ter mentido sobre já ter mandado nudes. Nós estávamos conversando e ela me perguntou se eu já havia mandado, eu falei que não, apesar de já ter mandado, pois me arrependia e não necessariamente achava que isso era importante. Ela que conversava com um amigo meu, me falou que Anta (nome que dei pra ele agora mkk) falou que eu já tinha mandado nudes para ele, era verdade, e Libélula me perguntou porquê eu tinha mentido, falei que não era algo que eu achava importante, me arrependia e que me envergonhava disso, ela falou pra eu nao falar pro Anta que ela tinha contado, porém demorou um pouco pra falar isso. Eu com uma pequena raiva fui e mandei mensagens para Anta. Repeti 3 vezes o nome de Anta e mandei figurinhas de um bichinho que tinha uma faquinha e outras que tinham mais ou menos a mesma coisa da outra, e falei que eu iria matar um Anta, e que as pessoas não podem sair falando as coisas assim, mandei um pedaço das mensagens que Libélula tinha mandado para mim onde falava que ele contava que eu tinha mandado pra e ele pra mim. No final ela ficou puta comigo e me bloqueou, umas horas depois ela me desbloqueou e a gente ficou de boa de novo.
Toda vez ela me bloqueia porque eu nunca conto nada que acontece na minha vida, porém ela não entende que não acontece nada na minha vida para eu contar pra ela, e quando acontece é alguma coisa envolvendo uma amiga minha ou outro melhor amigo que eu tenho, e ela odeia os dois e sempre fica full pistola comigo quando eu falo com eles e já falou diversas vezes para eu parar de falar com eles, ou com outros amigos meus que eu raramente falo, então é, eu não conto nada.
E agora a última história que é a do título. Hoje a tarde ela me mandou um áudio me perguntando sobre uma coisa que eu postei no meu Twitter, e perguntou se as mensagens que tinha tinha no print que estava no Tuíte (? Não sei escrever o bagui pq sou lezada mkkkj) eu havia enviado para ela, porquê as mensagens não foram e ela tinha me bloqueado. Eu com toda a minha lerdeza e sem entender nada falei "tu me bloqueou?" e Ela simplesmente explodiu, ela falou que sim tinha falado no grupo block (Eu tinha mandado um print no grupo que eu tava conversando com uma amiga da minha amiga e perguntei oque ela estava fazendo ela falou que estava vendo um filme e falou que era Harry Potter eu falei que também e comecei a rir da coincidência) porém que eu paguei pra isso, falou que eu não me importo com ela, que eu não deixo ela mexer no meu celular por que eu tenho várias meninas falando comigo, e que eu não chamo ela de melhor amiga. Eu tava rachando, quebrando no meio, esbagaçando minha garganta, pois achei que ela tava zuando, mas não, eu falei isso, e ela ficou muito, mais muito puta e me bloqueou depois de falar que eu não consigo ficar um minuto sem rir, sem falar palavrão ou zuar alguma coisa, e eu falar que não. Mandei uma mensagem no grupo falando pra ela me desbloquear ela perguntou porque faria isso e depois mandou um áudio, jogando na minha cara o bagulho que contei para o Urso, do nudes que neguei mandar para o Anta e sobre não contar oque acontece na minha vida e falar que eu minto sobre eu falar que não tenho amigos além daqueles do grupo, depois Libélula saiu do grupo e eu sai também, não queria falar com ninguém. Depois de umas 2 horas Peixinho1 falou para eu pedir desculpas para Libélula e me perguntou oque aconteceu, Girafa colocou eu e Libélula no grupo de novo e falou para nós parar de tretar, Urso concordou, porém ninguém mais falou nada.
Então, eu fui a babaca? (Reconheço que fui babaca em algumas situações como sobre a do Urso que contei para ele de quem Libélula gostava e joguei toda a culpa no Girafa, e outras que não contei pq não eram tão importantes:-;)
Se alguém querer me dar um conselho sobre o que fazer eu aceito, pois ainda estou bloqueada e a minha amizade com ela é muito importante pra mim, apesar de sempre ser bloqueada '-'
Ficou grande mas é a vida né MKKKKKKJ, obrigada por ler até aqui se você leu <3
submitted by FantasticElf to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.15 19:01 HoBaLoy Descendo para a Toca do Coelho: Um Guia Refinado para as Teorias, Análises, etc de ASOIAF para se Perder Durante a Quarentena

Traduzido diretamente do Guia elaborado por u/BryndenBFish
Aviso: contém trocadilhos e piadas que são mais engraçadas para americanos.
Aviso 2: Contém pequenas modificações para a tradução ficar condizente.
Aviso 3: Contém MASSIVA quantidade de SPOILERS. E, sendo uma tradução, a imensa maioria está em inglês com poucas exceções que já tivemos aqui no Valiria
Descendo para a Toca do Coelho: Um Guia Refinado para as Teorias, Análises, etc de ASOIAF para se Perder Durante a Quarentena
Introdução
Então, você está sentado em casa assistindo novamente The Office pela nona vez na Netflix, tentando se convencer de que foi a maior comédia de todos os tempos (não era). Entre mordidas em Cheetos rançosos de duas semanas, você abre seu celular flip da Motorola, toca no botão do navegador, aguarda 3 minutos para que o aplicativo seja iniciado, digita "Teorias das Crônicas de Gelo e Fogo" no buscador e espera outros 6 minutos para a página carregar e violá, você está dentro.
Mas espere! Há muitas para escolher? Quais são boas?
E é aí que eu entro. Estou aqui para ajudá-lo a se perder.
Embora eu seja um co-apresentador de um podcast e tenha participado de vídeos do YouTube de vez em quando, estou fazendo deste um post somente escrito. (Sinta-se à vontade para postar no youtube ou podcast ou sei lá o quê!) Portanto, nesta lista cultivada de teorias de análises ESCRITAS, APENAS PARA LIVROS, etc, listarei textos que me deliciei ao longo dos anos e espero mantê-los entretidos durante nossos problemas atuais.
ANÁLISE
Meta: Como GRRM escreve ASOIAF
Uma Crônica de Fatos e Números: análise detalhada de / u / werthead de como cada livro no ASOIAF foi escrito com informações básicas do processo de escrita, contagem de palavras, etc:
AGOT a-song-of-facts-and-figures-game-of.html
ACOK a-song-of-facts-and-figures-clash-of.html
ASOS a-song-of-facts-and-figures-storm-of.html
AFFC a-song-of-facts-and-figures-feast-for.html
ADWD a-song-of-facts-and-figures-dance-with.html
Não quero promover meu próprio trabalho, mas escrevi bastante sobre metatópicos que podem ser do interesse de alguns de vocês. Vou criar um link para alguns deles abaixo:
Como o sucesso de GAME OF THRONES provavelmente contribuiu para a espera de OS VENTOS DE INVERNO spoilers_extended_meta_how_the_success_of_game_of/
Como uma virada sombria no POV favorito de GRRM contribuiu para a longa espera por ADWDspoilers_extended_meta_how_a_dark_turn_in_grrms/
A história que GRRM originalmente queria contar: examinando os presságios do GRRM no contexto da lacuna de cinco anosspoilers_extended_the_story_grrm_originally/
Uma teoria sobre por que GRRM pensou que poderia terminar TWOW em 2015spoilers_extended_meta_a_theory_on_why_grrm/
Uma análise e exploração do nó meereenêsspoilers_all_an_analysis_exploration_of_grrms/
Como uma profecia em ADWD foi alterada por GRRM antes do lançamento, e o que isso poderia significar para a análise de TWOW: / u / indianthane95 de como uma leitura GRRM de ADWD, Daenerys III em 2005 foi editada antes do livro ser publicado e por quê.spoilers_all_how_a_prophecy_in_adwd_was_changed/
A carta de 1993 nos mostra GRRM foreshadowing que ele mais tarde abandonou: / u / feldman10 a análise da carta de apresentação de 1993 e como GRRM mudou seus principais foreshadowings quando publicou AGOT três anos depoisspoilers_all_the_1993_letter_shows_us_some_grrm/
Na luz do sol, sem culpagrrms-thinly-veiled-gone-with-the-wind-obsession
A linha descartável em AGOT que sugere o ultimato: / u / zionius_ teoria que Daniel Abraham foi instruído por GRRM a manter nos quadrinhos, pois tem ramificações do "final”.spoilers_extended_the_throwaway_line_in_agot_that/
The ASOIAF Archives Series: / u / jen_snow análises magistrais de todas as maneiras como os capítulos base foram alterados antes de sua publicação.spoilers_extended_asoiaf_archives_september_2000/
Como GRRM reescreve ASOIAF: visão detalhada de / u / zionius_ sobre as reescritas de ASOIAF por GRRM com foco especial em AFFC / ADWD.how_grrm_rewrites_comparing_affc_draft_chapters/
Análises Narrativas
Um guia completo para a sucessão Westerosi por / u / galanix: um dos recursos mais úteis para tentar determinar quem é o próximo a realeza / senhorio / o que quer que seja.spoilers_all_complete_guide_to_westerosi/
O Meereenese Blot forneceu as melhores defesas da escrita de GRRM dos arcos de personagens de Dany, Jon, Tyrion e enredos Dorneses em AFFC / ADWD. Escrito entre 2013 e 2014 por / u / feldman 10, estou incluindo-os nesta seção como o foco no valor narrativo desses personagens POV
Desembaraçando o nó meereenês: Dany
Parte 1: Quem envenenou os gafanhotos?untangling-the-meereenese-knot-part-i-who-poisoned-the-locusts/
Parte 2: A paz era realuntangling-the-meereenese-knot-part-ii-the-peace-was-real/
Parte 3: A luta de Dany consigo mesmauntangling-the-meereenese-knot-part-iii-danys-struggle-with-herself/
Parte 4: Uma Daenerys Sombriauntangling-the-meereenese-knot-part-iv-a-darker-daenerys/
Parte 5: Hizdahr e Paz ou Daario e Guerrauntangling-the-meereenese-knot-part-v-hizdahr-and-peace-or-daario-and-wa
Outras Guerras: Jon
Parte 1: O Coração Nobre e o Maior Dever de Jonother-wars-part-i-jons-noble-heart-and-greater-duty/
Parte 2: Apoio de Jon a Stannisother-wars-part-ii-jons-support-for-stannis/
Parte 3: A Missão de Manceother-wars-part-iii-the-mance-mission/
Parte 4: Pessoas Querendo Ajuda: Alys Karstark e a Missão Hardhomeothers-wars-part-iv-people-wanting-help/
Parte 5: A Paz, a Carta Rosa e o Discurso do Salão dos Escudosother-wars-part-v-the-peace-the-pink-letter-and-the-shieldhall-speech/
Parte 6: Três perguntas sobre o futuro de Jonother-wars-part-vi-three-questions-about-jons-future/
Pagando Suas Dívidas: Tyrion
Parte 1: Tyrion em Porto Realpaying-his-debts-part-i-tyrion-in-kings-landing/
Parte 2: Sofrimentos, Prostitutas e um Jogo de Cyvassepaying-his-debts-part-ii-sorrows-whores-and-a-game-of-cyvasse/
Parte 3: Tyrion e Pennypaying-his-debts-part-iii-tyrion-and-penny/
Jardins de Água e laranjas sanguíneas: Dorne
Parte 1: A Víbora e a Gramawater-gardens-and-blood-oranges-part-i-the-viper-and-the-grass/
Parte 2: Ambições de Ariannewater-gardens-and-blood-oranges-part-ii-ariannes-ambitions/
Parte 3: Dever e Destino de Quentynwater-gardens-and-blood-oranges-part-iii-quentyns-duty-and-destiny/
Parte 4: Termina em Sanguewater-gardens-and-blood-oranges-part-iv-it-ends-in-blood/
A última tentação de Jon Snow: nesta série de duas partes, / u / MaesterMerry analisa o mandato de Jon Snow como Senhor Comandante da Patrulha da Noite, prestando atenção especial à narrativa e às lutas filosóficas do mundo real que GRRM escreve na história de Jon em ADWD
Parte 1: Matando o Meninohttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2019/06/15/the-last-temptation-of-lord-commander-snow-part-1-killing-the-boy/
Parte 2: A escolhahttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2020/02/05/the-last-temptation-of-lord-commander-snow-part-2-the-choosing/
Sansa, Jeyne, Theon: Saber seu nome: A especulação de/ u / Zombie-Bait sobre a repetição de temáticas em TWOW e como Sansa irá emular Cat em TWOW para os Senhores do Vale.https://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/sansa-jeyne-and-theon-you-have-to-know-your-name/
Momentos de Arranhão de Disco: GRRM e Misdirection: Como GRRM confunde seus leitores com misdirection com uma súbita sacudida na narrativaspoilers_extended_record_scratch_moments_grrm_and/
Clube das Donzelas Mortas: Uma análise crítica de como GRRM usa as mortes de mulheres e mães, em particular na ASOIAFhttps://joannalannister.tumblr.com/post/162408885186/the-dead-ladies-club
Milhões de pêssegos, pêssegos para mim: análise de / u / fat_walda de como os alimentos são usados ​​na ASOIAF para iluminar temas e a divisão socialspoilers_all_millions_of_peaches_peaches_for_me/
Memórias de Limão, ou Lemories, ou Como eu Aprendi a parar de ingerir papel laminado e compreender ASOIAF: reflexão de / u / jonestony710 sobre como ele começou a pensar “através do papel alumínio” no que se refere à Casa com a Porta Vermelhaspoilers_extended_lemon_memories_or_lemories_o
São lobos que pretendo caçar: Matt do podcast Davos Fingers rastreia todas as conspirações Frey / Bolton / Lannister para chegar ao Casamento Vermelhohttps://davosfingers.tumblr.com/post/146273054899/it-is-wolves-i-mean-to-hunt-the-motivations-of
Análises Políticas / Legais
Coroas ocas e espinhos mortais - Parte IV: Renly e Stannis: Esta série inteira de Steven Attewell foi excelente, mas este ensaio é o “crème de la crème”. Nele, Attewell analisa as concepções e visões de Renly & Stannis sobre a realeza.https://towerofthehand.com/blog/2013/06/17-hollow-crowns-deadly-thrones/index.html
Mãos do Rei: / u / vikingkingq dá uma olhada nas mãos de várias Mãos do Rei na ASOIAF:
Os primeiros Mãoshttps://towerofthehand.com/blog/2012/04/17-hand-of-king-early-hands/index.html
Mãos em crise (Bloodraven e Baelor Quebra-Lanças)https://towerofthehand.com/blog/2012/04/24-hands-of-king-hand-in-crisis/index.html
Tywin, o Grande?https://towerofthehand.com/blog/2012/05/22-hands-of-king-tywin-great/index.html
Os homens honestos (Jon Arryn e Ned Stark)https://towerofthehand.com/blog/2012/10/23-hands-of-king-two-honest-men/index.html
Tyrion Lannisterhttps://towerofthehand.com/blog/2012/12/12-hands-of-king-tyrion/index.html
Em uma série de ensaios que examinam as leis e costumes de Westeros, / u / LawsOfIceAndFire desconstrói a estrutura legal do reino
Governe o reino (meninas): Uma Análise do Grande Conselho de 101https://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/04/10/rule-the-realm-girls/
O fim de Game of Thrones e o enigma da sombra de Varys: O enigma de Varys no contexto da série e dos livroshttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/05/09/power-resides-where-men-believe-it-resides-but-which-men/
O grande não varrida de Tyrion Lannister com a Justiça Criminal de Westerosihttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/07/12/tyrion-lannisters-not-great-interactions-with-westerosi-criminal-justice/
Oferta, aceitação, pão e sal: uma análise jurídica do contrato de direito de hóspede: Direito de Hóspede, como funciona, costumes, o que acontece quando foi violadohttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/09/16/bread-and-salt-offer-and-acceptance-a-legal-analysis-of-the-guest-right-contract/
Por que não deveríamos nos governar novamente? - Westeros e o contrato socialhttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2020/01/29/why-shouldnt-we-rule-ourselves-again-westeros-and-the-social-contract/
O gênio financeiro de Mindinho, de / u / Militant_Penguin, sobre como Mindinho está negando suas perdas financeiras no Vale em AFFC.spoilers_affc_the_financial_genius_of_littlefinge
Análise Geográfica / Regional / Casas / Diversos
Uma ordem dos sussurros, uma cidade dos segredos: Uma Análise de Braavos, o Banco de Ferro e os Homens Sem Rostohttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2018/03/16/an-order-of-whispers-a-city-of-secrets/
O lado escuro dos Portões da Lua: / u / Zombie-Bait examina o Vale na História e em TWOWhttps://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/the-dark-side-of-the-moon-doo
Fosso Cailin, Fosso de Problemas: análise de / u / bookshelfstud de Fosso Cailin como um cenário em ASOIAF e o que está reservado para TWOWspoilers_extended_moat_cailin_moat_problems_a/
A ascensão e queda da casa Velaryon: / u / bookshelfstud's análise de como uma das casas históricas mais poderosas de Westeros perdeu seu poder na época do AGOThttps://offmichaelsbookshelf.wordpress.com/2015/06/23/high-tide-the-rise-and-fall-of-house-velaryon/
Como o Cão foi armado: uma reflexão sobre a arte e a armadura da Idade Média: análise de / u / fat_walda sobre a armadura de Sandor Clegane e como ela se compara à armadura medieval realspoilers_main_how_the_hound_was_helmed_an/
Escamagris em ASOIAFhttps://justadram.tumblr.com/post/57454498995/meta-monday-greyscale
Água, água, em todos os lugares: análise de / u / mightyisobel da água e como GRRM escreve belas cenas de água em toda ASOIAF (mas especialmente em AFFC) e o que isso significaspoilers_affc_water_water_everywhere/
Os mapas de ASOIAF: / u / werthead's um olhar para a geografia de Planetos com extensa análise de como a geografia do mundo foi criadahttps://atlasoficeandfireblog.wordpress.com/page/16/
Filhos Targaryen + não Targaryen sempre favorecem o pai não Targ: Uma teoria que pode ter influenciado GRRM a mudar a cor do cabelo da Princesa Rhaenys.targaryen-non-targaryen-children-always-favor-the-non-targ-parent/
Análise de Personagem
Meu co-apresentador de podcast e amigo / u / poorquentyn fez algumas das melhores análises de personagens POV em ADWD. Vou criar um link para todos eles aqui:
Tyrion em ADWDhttps://poorquentyn.tumblr.com/tagged/tyrion-in-adwd/chrono
Davos em ADWDhttps://poorquentyn.tumblr.com/tagged/davos-in-adwd/chrono
Quentyn em ADWDquentyn-in-adwd/chrono
De Peão a Jogador: Repensando Sansa: Leitura incrivelmente detalhada do enredo de Sansa com toneladas e toneladas de análises - tanto literárias quanto in-story.from-pawn-to-player-rethinking-sansa-xxi/
Tantos votos: juramentos em conflito: / u / somethinglikealawyer excelente análise e ensaio sobre a Torre da Mão e sobre como GRRM usa juramentos como um veículo para conflito pessoal e nacional em ASOIAFso-many-vows-oaths-in-conflict/index.html
Filha da Morte: As Crônicas de Gelo e Fogo, o Herói Trágico Shakespeariano Análise de / u / glass_table_girl sobre os temas de Shakespeare da história de Daenerys Targaryen e por que isso significará sua morte nos livrosdaughter-of-death-a-song-of-ice-and-fires-shakespearean-tragic-hero/
Vocês não são as pedras, mas os homens: Ned Stark e Brutus: O olhar de ShakesOfThrones sobre as comparações entre Gaius Brutus e Ned Starkyou-are-not-stones-but-men-ned-and-brutus/
Stannis Baratheon: MacBeth Revisited: Análise de ShakesOfThrones de Stannis Baratheon, comparando-o à figura shakespeariana de MacBethstannis-baratheon-macbeth-revisited/
Herói com Mil Faces: Os Mentores de Jon Snow, Parte 1: O Lobo Quieto: / u / housemollohan dá início a uma série sobre os mentores de Jon com uma análise do relacionamento de Jon com seu pai Ned Stark.spoilers_extended_the_hero_with_a_thousand/?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf
Ben Mulato Plumm: mau jogador de Cyvasse, pior poker face: / u / SerDonalPeaseburyspoilers_extended_brown_ben_plumm_bad_cyvasse/
Uma estrela cadente em Westeros por / u / Zombie-Bait: Analisa Ashara na história: quem era ela, o que ela queria, ela está viva?a-falling-star-in-westeros-pti-analyzing-ashara-dayne/
Sansa e a boa rainha Alysanne: / u / Zombie-Bait compara a Eleanor de Aquitânia "Histórica" ​​e "Moderna" em ASOIAF.sansa-and-good-queen-alysanne/
Misericórdia, misericórdia, misericórdia: explorando os enredos de Arya, Sansa e Sandor: / u / Zombie-Bait explora os temas de personagens paralelos e dispositivos de narração de histórias que GRRM usa para Arya, Sansa e Sandor.mercy-mercy-mercy-sansa-sandor-and-arya/
Senhora Catelyn: o vazio da Coração de Pedra: / u / Zombie-Bait dá uma olhada detalhada em quem Catelyn Stark é antes e depois de se tornar Senhora Coração de Pedralady-catelyn-the-stone-hearted-emptiness/
O valor da prata: rainhas e moedas - ou "Como a história de Daenerys se parece com a origem de seu nome": análise de / u / glass_table_girl do nome de Dany e uma moeda romana para a qual GRRM pode ter chamado a atençãospoilers_all_the_value_of_silver_queens_and_coins/
A conexão de Papel Alumínio: Por que não devemos confiar em Marwyn: análise crítica de / u / bookshelfstud sobre Marwyn, o Mago, e como ele pode ser um loucothe-tinfoil-link-dont-trust-marwyn/
Perseguindo o Dragão, Parte 1: Analisando um Alquimista: / u / 4187021 a análise abrangente do que o alquimista está fazendo em Vilavelha.chasing-the-dragon-part-1-analyzing-an-alchemist/
Análise Militar
Estratégias de guerra em Westeros por Ken Mondschein: Uma análise aprofundada das Táticas de Guerra Westerosi e como ela se compara à história militar medieval na Europa Ocidental.strategies-of-war-in-westeros/
Muitos anos atrás, escrevi vários ensaios sobre os vários comandantes da ASOIAF. Você pode encontrá-los abaixo:
Robb Starka-complete-analysis-of-robb-stark-as-a-military-commande
Stannis Baratheona-complete-analysis-of-stannis-baratheon-as-a-military-commande
Jaime Lannisterthe-evolution-of-jaime-lannister-as-a-military-commande
Daenerys Targaryena-complete-analysis-of-the-slavers-bay-campaign/
Tywin Lannister:
Parte 1: a lealdade não é opcional até que sejawins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-1-loyalty-isnt-optional-until-it-is/
Parte 2: O Senhor Orgulhosowins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-2-the-proud-lord/
Parte 3: Os frutos da derrotawins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-3-the-fruits-of-defeat/
Parte 4: Penas e Corvoswins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-4-quills-and-ravens/
Parte 5: Alimentando Corvoswins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-conclusion-feeding-crows/
A Guerra dos Cinco Reis: Análise militar de Stefan Sasse da Guerra dos Cinco Reisfivekings/index.html
TEORIAS
Teorias Gerais
Teoria Blackfyre - Teoria que Aegon VI Targaryen não é filho de Rhaegar Targaryen, mas é na verdade um pretendente Blackfyre.teoria_blackfyre/
O Rei Afogado e o Corvo Sem Rosto: Uma análise bastante convincente sobre a culpabilidade de Euron Greyjoy na morte de Balon Greyjoy.the-drowned-king-and-the-faceless-crow-complete-analysis/
A Grande Conspiração Nortenha - Teoria de que os nortenhos estão jogando Roose e Stannis um contra o outro para colocar Rickon Stark ou Jon Snow como o novo Rei do Norte.a_grande_conspira%C3%A7%C3%A3o_nortenha_parte_7/
Sandor Clegane é o Coveiro - Teoria de que Sandor Clegane não morreu e é o coveiro que Brienne encontrou na Ilha Quieta em AFFC.GravediggeTheories
Lyanna Stark é o Cavaleiro da Árvore que Ri - Teoria de que o CDAQR é Lyanna Stark que defendeu a honra de Howland Reed contra os Freys e combateu no torneiro contra os Freys.Knight_of_the_Laughing_Tree/Theories
R + L = J - O melhor artigo sobre a teoria de que Rhaegar Targaryen foi para a cama com Lyanna Stark e o fruto de sua união foi Jon Snow.https://www.reddit.com/Valiria/comments/ea8tcv/rlj/
Uma morte fria na neve: a teoria de / u / JoeMagician de que Waymar Royce foi identificado como um Stark por Craster. Os Outros aceitaram essa informação e colocaram Waymar em algum tipo de teste ritualizado de suas habilidades de esgrima e que tipo de espada ele possuía.spoilers_extended_the_killing_of_a_range
O Apocalipse Eldritch: / u / poorquentyneldritch-apocalypse/
Mil olhos e uma névoa cinzenta: teoria de que sempre que uma névoa cinza aparece nos livros, isso significa que Bloodraven e/ou Bran estão observandoa-thousand-eyes-and-one-grey-mist/
Irmã Sombria: A conexão de Meera e Arya está por vir, e como ambas irão empunhar a Irmã Sombria.https://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/the-dark-sister-on-meera-and-arya/
A Pedra de Georgetta: Decifrando uma Mensagem Final A teoria do almirantekird sobre como as últimas palavras de Robert para Ned podem ser comparadas às últimas palavras de Lyanna para Ned.spoilers_all_the_georgetta_stone_deciphering_a/?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf
Quem era o patrono de Mandon Moore: uma análise de / u / galanix em que teoriza que Mandon Moore foi apoiado por Mindinho, que disse a ele para matar Tyrion na Água Negraquem_mandou_mandon_moore_matar_tyrion/
Stannis enviou uma carta: / u / a4187021 teoria de que Stannis usa o corvo do Meistre Tybald para enviar informações falsas a Winterfell, dizendo-lhes que ele está mortospoilers_all_stannis_sent_a_lette
Teorias históricas
Ambições Sulistas - Teoria de Stefan Sasse de que os Starks, Arryns e Tullys estavam se unindo através do casamento para se opor e possivelmente depor Aerys II Targaryen. (Esta é a minha teoria ASOIAF favorita de todos os tempos)ambi%C3%A7%C3%B5es_sulistas/
A Conspiração de Harrenhall / u / KingLittlefinger: A teoria de que Rhaegar estava planejando convocar um Grande Conselho contra seu pai Aerys II no Torneio de Harrenhall em 281 AC, mas tudo deu errado
Parte 1: As Três Facçõesspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
Parte 2: um banquete, uma justa e uma coroathe_harrenhal_conspiracy_part_ii_a_feast_a_joust/
Parte 3: Um Rato na Masmorraspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
Parte 4: O Dragão e a Bruxaspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
S + B = M: Mel – A Estrelha Vermelha Sangrando / Melony Seastar (revisado): teoria de que Melisandre é filha de Bloodraven e Shiera Seastarspoilers_all_sbm_mel_the_red_star_bleeding_melony/
Resgate na Encruzilhada: / u / lady_gwynhyvfar a teoria de que Rhaegar Targaryen resgatou Lyanna Stark na Estalagem da Encruzilhada para evitar sua captura e assassinato por Aerys II Targaryenrescue-at-the-crossroads/
Sexto Campeão de Rhaegar: / u / jen_snow especula sobre quem foi a sexta pessoa envolvida no "sequestro" de Lyanna Stark por Rhaegar Targaryenspoilers_everything_rhaegars_six_companions/
Teorias TWOW
A Lamparina da Noite: uma teoria alternativa sobre como Stannis vai destruir os Freys em TWOW - / u / cantuse postula que Stannis usará um farol falso para atrair os Frey para a morte na Vila dos Arrendatários.lamparina_da_noite/
A Tragédia dos Três Cavaleiros: a teoria de / u / M_J_Crakehall de que Jaime exigirá um julgamento por combate e, quando o fizer, Senhora Coração de Pedra nomeará Brienne de Tarth, mas Hyle Hunt assume seu lugar como campeã por despeito pelo relacionamento de Jaime e Brienne.spoilers_extended_a_tragedy_of_three_knights/
A Dragon Dawn: Em 2014, escrevi uma série de várias partes prevendo como a Batalha de Fogo seria em TWOW. Algumas das informações estão um pouco desatualizadas (Afinal, Euron não está seguindo Victarion para Meereen), mas vou criar um link para a série abaixo
Parte 1: A tempestade se aproximaa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-1-the-gathering-storm/
Parte 2: Cidade na Bordaa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-2-city-on-the-brink/
Parte 3: Os Portões do Destinoa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-3-the-gates-of-fate/
Parte 4: A Canção do Doce Açoa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-4-a-sweet-steel-song/
Parte 5: A Pirâmide Ardentea-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-5-the-burning-pyramid/
Parte 6: Fogo e Sanguea-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-conclusion-fire-and-blood/
O mercenário mais ousado de todos: / u / lady_gwynhyfvar a análise detalhada de Bem Mulato Plumm e a teoria de que Ben Mulato tentará roubar um dragão e se juntar ao Jovem Griffbrown-ben-plumm-the-boldest-sellsword-of-them-all/
Conectando os pontos na Senhora Dustin: teorias de / u / ser_dunk_the_lunk sobre o que a Senhora Dustin está tramando em Winterfell e como ela está trabalhando com Mance Rayderspoilers_all_connecting_the_dots_on_lady_dustin/
Ondulações na paisagem dos sonhos: GRRM mostra sua mão: teoria de / u / bookshelfstud de que Euron está planejando cometer um sacrifício de sangue na batalha contra a Frota Redwyne para levantar krakens spoilers_twow_ripples_in_the_dreamscape_grrm/
O Rei Ferido em Winterfell: / u / Teoria de Bookshelfstud de que Stannis Baratheon será ferido em uma de suas próximas batalhas e se tornará o rei pescador em Winterfellspoilers_extended_the_wounded_king_of_winterfell/
O Retorno do Lobo Branco: A análise intensiva de / u / bookshelfstud de como o personagem de Jon Snow retornará como em TWOW pós-morte.return-of-the-white-wolf-jon-is-coming-back/
Vou Encontrar Outro e o Casamento Vermelho 2.0: / u / indianthane95 nos mostra como Coração de Pedra está planejando um segundo Casamento Vermelho contra os Freys e Lannistersspoilers_all_ill_find_another_and_the_rw_20/
Teoria do Prólogo de TWOW: O Homem Silencioso: teoria de / u / feldman10 de que Ser Ilyn Payne será o ponto de vista do Prólogo para TWOWspoilers_extended_twow_prologue_theory_the_silent/
Teorias mágicas
Sob a estrela sangrenta: A fantástica análise de Stefan Sasse sobre o papel da profecia e da magia na ASOIAF.20-under-bleeding-sta
O inferno é real: / u / JoeMagician's teoria de que os valirianos usam a magia do fogo para criar criaturas do fogo como escravos eternos sem memória, o que fez com que os homens sem rosto se levantassem para acabar com elesspoilers_extended_hell_is_for_real_the_fourteen/
Origens do dragão: / u / CrowfoodsDaughter, a teoria de que os dragões se originaram no Grande Império do Amanhecer.153592-dragon-origins-part-i/&tab=comments#comment-8323214
No lado mais leve
Como seria se todas as teorias da ASOIAF se tornassem verdadeiras?spoilers_published_what_would_asoiaf_be_like_if/cjd15oh/
Desenhe sua cena favorita no ASOIAF com o MS Paintspoilers_main_draw_your_favorite_scene_in_ms_paint/
O membro de Tormund e a questão da percepção de escala em Westeros .: / u / fat_walda avaliação de quão grande o pau de Tormund Giantsbane realmente éspoilers_all_tormunds_member_and_the_issue_of/
Conclusão
Espero que vocês considerem tal tópico útil.
submitted by HoBaLoy to Valiria [link] [comments]


2020.08.15 05:19 moi34arom_bado O dia mais louco da vida

Olá luba , editores , gatas e turma que está aver. Obs: isso aconteceu com meu irmão , vamos chamalo de carls.
Em pleno 2018 , quando meu irmão tinha 8 anos , ele estava indo para a escola com o meu pai e tudo estava muito estranho , todo mundo estava olhando para o carls , e ele viu que não estavam olhando para ele estavam olhando seu amigo karls , quando ele perguntou oq aconteceu , ele falou. -A minha irmã esta com cancêr.
Só que , quando começou a aula todo mundo estava feliz , e eu vi que ele também estava feliz , ai como era professora substituta em todas as salas , ele teve a grande ideia de uma competição de dança , ele perdeu mas , quando ele estava voltando do recreio ele percebeu que todo mundo estava bravo com ele , porque não estava fazendo dever de casa (claramente essa galera é bipolar) ele fez o dever numa correria no final do recreio , ai só ficou a diretora na sala , quando deu 16:30 da tarde a diretora teve que ir para resolver um negocio na casa dela , e ele começou a dançar em cima da mesa.
Quando chegou um garota do quinto ano , ele tentou bater bater na meninas da sala , por causa que todo mundo falava que a sala dele era a melhor de todas , ai os meninos da sala seguraram ela , quando era na hora de ir embora , a diretora chegou , ela deixou eles brincarem por 5 min , ai ele aranjou briga com três garotos do 5° ano , por causa que a gente segurou aquela menina , ele ganhou depois de uma grande briga , ele voltou para a sala .
Foi isso lubixco , obrigado por ler a minha história <3
submitted by moi34arom_bado to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.15 03:54 nay_e33 A possível TPH

Olá Luba, editories e turma que está a ver.
Bom, em 2017 tinha uma guria na minha escola que tinha uma fama meio estranha. Ela adorava chamar atenção e não importava como, ela só queria ser o centro das atenções. Essa guria inventava boatos sobre as pessoas e fazia várias merdas chegando até a roubar celulares na escola (detalhe: todo mundo sabe que foi ela, mas ela mentia na cara dura dizendo que não tava com ela.) no final do ano ela disse pra escola inteira que estava saindo da escola e que ia fazer novelas no sbt. Falou que era modelo, que ia participar de Poliana e os krlh a 4. a escola chegou até a fazer um mural pra ela, já que todos estavam sabendo que ela iria "estar na próxima novela."
enfim, tudo mentira. No ano seguinte ela voltou pra escola e era uma chacota só. No final do mesmo ano (2018) ela entrou na minha vida e de minhas amigas. Éramos 4, Eu, N, K e R. Ninguém queria proximidade com a garota pq ela n era confiável mas uma das minhas amigas ficou com pena (a K). Ela sempre inventava mentiras sobre a vida dela, e tanto faz se ela queria chamar atenção falando que era rica, que iria pra Disney, que tinha uma mansão. A gente sempre ignorava mas continuávamos fingindo acreditar pra ela não ficar só.
Mas era impossível conversar perto dela, a gente queria contar segredos e tals mas ela sempre dava um jeito de voltar todos olhares pra ela. as coisas pioraram quando a escola resolveu abrir uns negócios tipos "clubes" pra ajudar os alunos. Essa época foi muito importante porque começaram a tratar mais da saúde mental dos alunos. tinha muita gente mal na escola e eles chamavam os alunos pra conversar, aí tinha uma assistente social e tudo mais. Mas as coisas eram discretas porque era algo muito pessoal de cada um. Mas essa garota adorava falar pra todo mundo que ela tinha depressão, que ela tinha sido estuprada pelo irmão, que a mãe dela odiava ela e queria expulsar ela de casa.
Ficamos com o pé atrás em acreditar depois de tudo o que ela já tinha dito e era mentira. Mas ainda assim demos atenção e tentamos conversar. Mas a história tava muito mal contada, parecia que ela simplesmente tava falando o que vinha na cabeça. A gente sabia que ela gostava de chamar atenção, mas usar uma pauta tão séria só pra isso é de mais. enfim. Ela mentia p k7 sobre tudo mas a gente só começou a ignorar. Eu e minhas outras 3 amigas éramos do grêmio na época e ela queria se enfiar no meio de TUDO e era um puta vitimismo quando a gente fazia algo sem ela. Watherver
no último ano essa menina se fodeu. Parece que tudo o que ela plantou caiu em cima dela de uma vez. primeiro que já tava todo mundo de saco cheio das coisas que ela falava e ninguém confiava nela. segundo que uma das minhas amigas (N) não ia mais nem um pouco com a cara dela. Ela só aturava. E terceiro, ela vivia com inveja da minha outra amiga, (K) que foi quem colocou ela no nosso grupo. Uma vez ela tentou arranhar um anel de ouro que minha amiga ganhou de presente do padrasto, e ela sempre falava com deboche das minhas conquistas e as das minhas amigas. e no dia que a bomba estourou, foi quando ela mandou indireta pra uma colega de sala em uma rede social, colega qual também era próxima da gente. A nossa colega viu que a indireta era pra ela e curtiu o post. Daí a menina foi no stts e começou a falar que tinha "atingido" com a indireta, que a carapuça serviu e mais um monte de merda. Mas a nossa colega não tinha o número dela. Não seja por isso, nós (eu mais as 3 meninas) enviamos o vídeo pra colega de sala e ela não é das que leva desaforo pra casa. (nós já estávamos com raiva dela porque no mesmo dia ela veio brigar com a N. Fez ela chorar e os k7) Pronto, no dia seguinte. Nossa colega chegou e simplesmente >arremeçou< a mesa da guria (a mentirosa) pro outro lado da sala. Disse que se ela era mulher mesmo falava na cara dela, começou a gritar com a menina, disse que se ela tinha peito pra mandar indireta ela tinha que peitar a briga. quando o bagulho começou a ficar sério apartaram a briga.
Mas no intervalo, ela foi falar pras barraqueiras da escola que ela era super foda. Que tinha brigado com aquela nossa colega e com a N. e que ela ganhou a discussão, mas na real ela só tinha ficado quieta ouvindo.
Mas piorou quando ela começou a falar mentiras da nossa colega e da N. Falou muito mal das duas, mas como ela já tinha má fama. As tais barraqueiras vieram falar com a gente, que claro, desmentidos tudo.
Mas a N ficou enfurecida. Foi atrás dela na força do ódio e começou a falar tudo na cara dela, todas as mentiras que ela já tinha dito, tudo de mal que ela já tinha feito pras pessoas, o quanto ela era falsa, falou muito na cara dela.
e foi a partir desse dia que a doidinha nunca mais voltou praquela escola.
bom, tenho certeza que ela tem algum tipo de transtorno e precisa de ajuda mas ela não se permite achar a ajuda necessária. Já tentamos. Mas é isso
hoje ela finge ser famosa no insta _ _ ( " )/
submitted by nay_e33 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.11 21:42 MarienBabalu Fui babaca por me meter onde não devia para proteger meu afilhado de uma menina com depressão? (Mistura de Nice People e Julgamento)

Olá Turma maravilhora. Talvez o Luba, Matheus, e as deusas Gala e Mist (as donas do Luba). A historia é bem longa mesmo vou tentar resumir o máximo sem deixar nada importante escapar. Obrigade pela atenção. Parêntese não muito util: (Sou não binário, entao pode usar a vóz mental que quiser) Parêntese menos util ainda: (É a terceira vez que estou postando isso, pq desconfio que nas outras duas postei na comunidade errada)
Eu estudava em uma escola que tinha o ensino médio junto com um técnico, por isso ela tinha duas características diferentes das demais escolas da região. A primeira era um sistema de apadrinhamento, onde quem estivesse no segundo ano, ajudava alguém do primeiro (Eu acabei sendo sorteada para uma pessoa, mas acabei "adorando" outro afilhado, que vou chamar de Iogurte). A segunda característica era a entrega de um "tcc" ao final do curso. A história começou no ano de 2018, era o final do nosso segundo ano, e todos estavam escolhendo seus temas de tcc. Eu havia acabado de escolher meu tema, e estava muito feliz com ele, quando uma menina se aproximou e disse que não tinha tema. Eu sugeri a ela um tema muito bom que combinava com ela, ela gostou e disse que iria usar esse tema. Essa garota em questão (Vou chamar de Vivi) era MUITO famosa na sala por não fazer absolutamente NADA nos trabalhos e atrapalhar muito os outros alunos, além de ser extremamente falsa e folgada, e sempre corria pedir ajuda pra mim. Ela sabia que eu não recusava. Já abriguei ela várias vezes quando teve problemas em casa. Ela vinha de um lar pobre e desestruturado, então tentava ser compreensive. Já emprestei minha própria cama pra ela dormir, comprei remédios, paguei contas de restaurante pra ela, até fui buscar ela de madrugada na rodoviária da cidade (ela morava em uma cidade a 26km da nossa escola). Eu sabia que ela iria correr pra mim de novo, mas não esperava que fosse tanto. No ano seguinte, 2019, todos estavam querendo fazer o TCC sozinhos, então o professor pediu que fizéssemos preferencialmente duplas. Ela simplesmente colou na minha mesa e disse para juntarmos os nossos, "já que eram parecidos" (o meu era absorventes descartáveis, o dela impactos ambientais do carnaval). Eu falei que preferia fazer sozinha, pois sabia que não sairia coisa boa de uma dupla com ela, mas ela insistiu e eu acabei aceitando (mesmo com meus amigos avisando para não fazer isso). Ela disse para o professor que já tinha orientadora e o trabalho encaminhado, então ele pediu para que fizéssemos o tema dela. Logo que o ano começou de vez, ela passou a não ir nas aulas de manhã, e nem nos dias que tinham a matéria do tcc (projeto integrador). Acontece que ela é diagnosticada com depressão e bipolaridade, então ela me afirmava que estava em médicos, eu nunca sabia se era verdade ou não. Eu ia às reuniões com a orientadora (que claramente não entendia nada do assunto, e foi só a primeira professora que ela viu passar pela instituição), e ela nunca ia. Certo dia até pedi para ela ir daquela vez pelo menos, Vivi disse que iria, mas ela não foi. Quando a questionei ela disse que estava no médico. Me senti culpade e triste por ter brigado com ela. Mas, poucos minutos depois, minha amiga mostrou os status dela passeando no shopping com a mãe. Pedi então a ela que apenas grifasse as partes importantes de um artigo científico, ela grifou partes aleatória, e foi a última coisa que ela fez no tcc. Depois da metade do segundo bimestre ela simplesmente sumiu. Ela já havia repetido de ano por faltas. Então eu passei a fazer o TCC sozinhe. Quem me salvou foi o professor da matéria (Rogério, você é maravilhoso). No final do ano estava com o trabalho pronto. Sempre tive como NOSSO trabalho, e sempre contei pra ela sobre tudo, e pus o nome dela em tudo. No final do ano, descobri que ela estava aprendendo a colorir, e trabalhando como manicure. Até aí tudo bem, estava feliz por ela. Aqui quem vem o caos. No ano seguinte, 2020 (antes da pandemia chegar ao Brasil), Iogurte estava no terceiro ano, ano de tcc. Vivi tinha repetido, então estava na sala dele. Ela sabia que ele é meu afilhado, e meu xodó, meu intocável. Vivi colou nele igual em mim. Iogurte já estava com uma dupla e um tema pronto, ele conta que ela simplismente sentou junto deles e perguntou "Então, qual vai ser o nosso tema?". Eu espumei de raiva ao saber disso. Iogurte me contou perguntando se eu devia deixar ou não ela ser sua dupla, já que ela tinha sido a minha. Eu prontamente respondi que não, então ele falou que ia conversar com ela e ver se iria dar uma segunda chance e deixavam ela fazer trio com eles. Alguns dias depois, ele me mandou um áudio. Reconheci ao fundo o som de calopsitas, ele tinha ido até a casa da Vivi pra falar com ela. O áudio tinha quinze minutos, toda vez que lembro dele fico furiose, nele ela contava que ela havia se afastado da escola por estar mal. Disse primeiro que eu não podia fazer tcc sozinha de jeito nenhum, sendo que teve gente na sala que fez sim, falou como se ela tivesse me salvado de repetir de ano fazendo dupla comigo. Depois começou a contar uma história gigante sobre ter sido dopada por um médico por um tempo, depois ter tentado cometer suicídio por overdose, ter ficado em coma, dizendo que fizeram lavagem estomacal nela, que ela ficou de cama por meses, coisas muito pesadas e tensas que pessoas com depressão profunda realmente passam (Eu sei pq tenho um tio que sofre disso, sei bem como é isso, na minha família). Porém, eu sabia que tinham enormes chances de serem mentira, já que ela dizia toda feliz que estava trabalhando naquele ano e já que sempre me mostravam status dela com a mãe, curtindo (obs: eu tinha o status dela silenciado, pq na época eu realmente não ligava, meus amigos que me mostravam) então ela devia estar mentindo. Sempre fiz tudo por Vivi, e uma semana antes até ajudei a limpar o apartamento dela e levei um pudim que eu mesme fiz pra ela. Falei para o Iogurte não cair nessa e não fazer o TCC com ela, graças aos céus ele me ouviu e não fez. No dia seguinte recebi dois áudios dela falando em tom calmo que o mal que eu fiz pra ela ia voltar pra mim, também que eu tinha contado um monte de mentiras pro Ioguste e que ninguém mais queria fazer tcc com ela (essa parte Iogurte me confirmou, ninguém queria fazer tcc com ela mesmo). Ainda acho que fiz o certo, mas isso ficou na minha cabeça. Fui babaca por falar pro meu afilhado não dar uma segunda chance pra uma menina com depressão?
submitted by MarienBabalu to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.11 15:53 raposi42 SOU A BABACA POR BEIJAR ACIDENTALMENTE A NAMORADA DO MEU MELHOR AMIGO E FICAR COM RAIVA DELE?

Olá Luvas Foinochute, gatitas, editores, seres animados e desanimados do estudio do Luvas e turma que está a ler. Essa é uma história que faz tempo que quero compartilhar na turma feira, mas se não chegar no Luvas espero que ao menos alguém faça um haha ou solte arzinho pelo nariz lendo.
Então vamos lá Em 2016, conheci um amigo online através de um grupo de RPG, mas eu morava do outro lado do RS, então ficamos conversando só por mensagem por um bom tempo. O chamaremos de Calrs. Eu acompanhei os namoros e terminos dele e ele acompanhou os meus, e assim, ficamos muito amigos chorando no ombro um do outro e jogando juntos. Em 2018 eu fui morar na mesma cidade que ele (onde ja tinha morado antes) e finalmente nos conhecemos pessoalmente. Nessa época ele ja estava namorando uma menina há algum tempo e estavam muito bem juntos, e eu tinha avompanhado a distância o começo desse namoro. Foi muito fofo, de verdade. Vamos chamar ela de Carlsa. Eventualmente, ele me apresentou a um grupo de amigos dele, onde conheci meu namorado. Tudo era flores e felicidade ate que as coisas começaram a ir mal com o meu namorado e nos terminamos, mas naquelas de continuar amigos. Nessa época era final do ano e era pra ter a última sessão de RPG do ano, onde era muito óbvio que o meu ex estaria, mas eu decidi ir mesmo assim. Nessa época tambem, eu e a Carlsa tinhamos nos tornamos amigas e estavamos jogando juntas naquela mesa. Em um dado específico momento, estavamos ambas de pé, lado a lado, de ombros encostados, olhando algo na mesa, e nos viramos para nos olhar ao mesmo tempo. ACIDENTALMENTE (muito importante registrar) eu dei um SELINHO nela. Um selinho. Sabe selinho que as pessoas dão ate pra se cumprimentar? Esse selinho. Talvez valha ressaltar aqui que sou bissexual (mulher) e que eu realmente gostava muito da menina, mas eu nunca tentaria nada com ela, ate pq já via ela como uma irmã. Claro que a gente quase morreu de vergonha e fugiu cada uma pra um canto. Até ai acho que tava tudo bem. O problema foi no dia seguinte. Naquela noite, eu estava um tanto incomodada com a presença do meu ex, e quando eu fui embora, ele disse que me levava. Eu disse que não precisava, mas como ele insistiu, eu aceitei. Não ia precisar pagar uber ne. Ele me levou e é óbvio que eu não me estressei, pq eu sou uma pessoa muito calma. O pior foi dormir e acordar com uma penca de mensagem do Calrs por que eu tinha "beijado" a namorada dele e que ele não podia mais confiar em mim. Primeiro eu pedi desculpas e tentei explicar que foi um acidente, mas ele disse que não ia mais poder confiar em mim. Depois ele me falou que a Calrsa teve uma crise de ansiedade por causa daquilo e que a culpa era minha. Aparentemente, ela contou e alguem que viu a cena tambem falou e fez parecer que eu tinha feito tudo de propósito so por que ele não estava olhando. Assim eu perdi contato com aquele grupo por um bom tempo. Com o tempo eu fiquei com raiva dele por ter jogado nossa amizade no lixo daquele jeito por causa de um acidente ridículo desses, e depois eu so fiquei triste por ter perdido um grupo inteiro de amigos de uma só vez. Hoje em dia eles ainda namoram e ambos estão muito bem, e eu fico feliz por eles. Ate voltei a ter contato com esse grupo de RPG, meu ex acabou por se tornar meu amigo mesmo apesar de tudo que aconteceu, mas nunca mais foi a mesma coisa. Hoje me sinto extremamente deslocada com eles, como se não fosse bem vinda naquele grupo, mesmo sabendo que deve ser só paranoia minha, sinto que estão todos contra mim de alguma forma, mas ainda é meu único grupo de amigos nessa cidade.
Enfim, fui a babaca por ter beijado a namorada do meu amigo e guardado rancor pelo jeito que ele me tratou depois?
submitted by raposi42 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.10 18:46 HannaK-Chan " não é preconceito, isso só não é certo "

Bom dia , boa tarde, boa noite, essa história vai ser um pouquinho longa pq ela aconteceu quando eu tinha 10 anos, então como faz um tempo eu vou tentar explicar tudo.
25 de dezembro de 2018
Era natal eu tava na casa dos meus tios junto com os meus primos etc..., ate que eu acidentalmente ouço um grito vindo do quarto da minha tia, e como toda criança endemoniada fui ver oque tinha acontecido, e minha tia tinha visto um pé de baixo da cama (obs: meus primos tavam brincando de esconder (não sei como chama na sua cidade ;-;)e o meu primo vamos chamá-lo de reinauro, estava lá se escondendo).
Ok né ai a minha tia chegou na cozinha e disse que tinha eu pé de uma criança de baixo da cama dela, todos assustados foram ver oque tinha acontecido, POUREM!, Meu primo tinha saído dali e foi pra outro lugar , então a minha tia saiu como "mentirosa".
Depois de umas 2 horas onde ja era quase meia noite, agente decidiu ir jantar e como qualquer família religiosa eles queriam rezar mais eu como sou um demonio e nunca gostei disso, tive a brilhante ideia de "rezar" de um jeito diferente.
Todos estavam rezando, (obs: minha família e bem homofóbica, no entanto que quase fui expulsa de casa ontem, porque eu tenho uma crush na minha "amiga" e minha mãe leu as minhas mensagens que eu tinha mandado pra minha crush.) todos estavam rezando, e eu tive a brilhante ideia de gritar que eu era lésbica. Mano me arrependo ate hoje de ter feito isso ,__,)"
A minha avó começou a expulsar o "demonio" que estava em mim, minha tia me tacou água, minha mãe me bateu , meus primos estavam tentando me proteger dos chingamentos e agressões que os meus familiares faziam em mim.
Depois de uns 6 dias nós estamos na véspera do ano novo.
31 de dezembro de 2018
La estava eu na casa dos meus tios novamente,com aquele clima pesado na família por uma brincadeira que na verdade é verdade eu sou lésbica mesmo assumida, nenhum famíliar falou comigo exceto meus primos e ainda sim meus tios não queriam que eles entravam em contato comigo,estava na maldita hora da oração e quando eu fui me aproximando eles não queriam me encostar,ate aí é estranho e tals mais eu fui tentar puxar assunto com eles:
-oi gente pq vcs não voltam ao normal e param de ser preconceituosos?
-tia: não é preconceito, isso só não é certo!, Mulher tem que ficar com homens não com outras mulheres!
-mas quql é o problema em gostar de meninas?
-tia: isso não está na biblia!,deus não aceita isso!
-ok mais deus não gosta da gente pelo oque agente faz? Nunca falou na bíblia que não pode ser desrespeitoso com o próximo?
Minha tia só se sentou na mesa e a família inteira me inguinorou este dia, so passei com meus primos que sempre me apoiaram.
Foi isso lubinha é uma história triste mais hoje eles estão de boa comigo, provavelmente eles esqueceram oque aconteceu...
Tchau qwq ✨♥️
submitted by HannaK-Chan to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.07 16:53 Danihkk O ROUBO NA FAMÍLIA

(Voz de menina do interior de SP) Oi luba, turma, possível convidado, galadriel, Misty, falecidos papelões, microfone e tela verde!
Bom, tudo começou quando a prima (chamaremos ela de Claudinha) da minha mãe veio de Araçatuba para a casa da minha avó para passar uns dias lá mora minha avó (AVA), minha tia (filha da essa tia, PERSONAGEM IMPORTANTE). Quando ela veio para cá ela começou a dormir no quarto da minha prima (OUTRO DETALHE IMPORTANTE) e minha prima dormia com a minha tia. Até aí, ok. Bom, Um belo sábado de manhã fui para a casa de minha querida vovó com um pouco de base no rosto e a Claudinha estava lá, ela me olhou e disse: "nossa, essa maquiagem não é para uma criança" (eu realmente era uma criança, isso foi em + ou - no meio de 2018 pq foi perto da festa de São João DETALHE IMPORTANTE e tinha uns 9 anos e sempre amei fazer maquiagem, então... NEAH) e eu simplemente estava só com base. Depois disso a Claudinha disse: "Quer que eu faça uma para você?". Eu, por educação, disse: "ah, pode ser". Ela me levou para o banheiro, pegou a necessaire dela com as MAKES dela e fez as seguintes coisas: tirou 75% da minha base, pegou uma sombra azul cintilante e passou BEM MAL FEITO INCLUSIVE na minha pálpebra, um batom BEM ROSA, BEM ROSA MESMO com um gloss TAMBÉM BEM ROSA. Juro pra vc que parecia a mãe das plantas, pq ela literalmente tirou uma foto minha (foi excluída e verá o porque) com as plantas mesmo, POIS É. Ja fiquei P da vida pq eu tava horrorosa (tirei logo quando cheguei em casa). MASOKEIIIIII. Agora vem a pérola da história. Ela era UM ANJO LUBIXCO, UM ANJO! Ela fala tanto de bijuteria para os membros da casa, MAIS TANTO, RIPO ASSIM, MUITO MEU Como eu falei a Claudinha estava dormindo no quarto da minha prima e claramente minha prima não iria tirar tudo de valor de lá! Ela tem uma pulseira banhada ou feita de ouro com 6 bolinhas (DETALHE IMPORTANTE) que ela ganhou da minha avó de aniversário de 15 anos. Bom, em certa noite a querida Claudinha ROUBOU A FUKING PULSEIRA e, como disse ela falava muito de bijuteria, ela trocou a pulseira de ouro por uma BIJUTERIA!!! Não notamos, então ela foi embora como se nada tivesse acontecido. Mencionei que era festa de São João, minha prima queria usar a pulseira de ouro. Quando ela foi por a pulseira reparou que em vez de 5 bolinhas tinha 4 (minha prima não é burra, a mais inteligente da família inclusive KKKKK). Mano, que barraco, LUBINHA O BARRACO! MEU tipo e policial, minha prima já falou com ele, foi tirar satisfação com a Claudinha, TEVE DE TUDO! Depois de tudo isso eu não sei o que ela fez para devolver, não sei se ela veio aqui, se ela enviou por correio NAO SEI! Mas ela devolveu (SABEMOS DISSO PQ VIMOS E REVIMOS A PULSEIRA KKK). E pediu desculpa e afins, não bloqueados nem nada (ALGO SHOW KKKKKKK) AGORA TEM O PLOST TWIST LUBA, O PLOST TWIST! Acho que minha cidade inteira ainda usa o Facebook, tá! Ela postou no Facebook que a empregada dela tinha roubado alguma coisa dela (não lembro o que). Nossa família com Barraco no sangue comentou no post Minha mãe: "TUDO QUE VAI VOLTA NÉ" Priminha: "Karma né?" As pessoas dessa casa foram bloqueadas e minha mãe tbm, mas meu pai não foi, inclusive é amigo dela no Facebook e ela nem sabe que eu tenho (as vezes dou uma stalkeada rs) E por isso a foto foi apagada. É isso, espero que tenho gostado da história de Hojeee. Beijinhos de Luz <30 (repost pq o último deu 3 upvotes KK)
submitted by Danihkk to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.07 03:32 OtakaLixo O meu vazio emocional.

Bom, eu não sei como começar isso então vou direto ao ponto. Eu cresci tendo apenas uma amiga, a qual eu confiava todos os meus segredos, intimidades, problemas e problemas familiares. A 2 anos atrás tivemos que mudar de escola e fomos para a mesma pq não queríamos perder contato, lá ela conheceu outras pessoas e eu também, começamos a gostar de coisas diferentes, conversar com pessoas diferentes e aos poucos fomos nós afastando. Depois de uns meses estudando lá, ela começou a contar coisas pessoais sobre mim para as amigas dela. Quando ela descobriu a minha bissexualidade começou a me fazer ameaças dizendo que todo mundo saberia inclusive a minha família. Eu comecei a me sentir muito sozinha, pois nunca fui muito extrovertida como ela e tenho uma personalidade difícil de se lidar. O tempo passou, e com a chegada de 2019 ela mudou novamente de escola (o que me causou um misto de alívio com saudade de quando éramos amigas), mas pra minha surpresa, acabei separada das únicas 3 amigas que tinha conseguido em 2018 (as quais sou muito grata, pq me apoiaram muito quando comecei a me sentir mal), tentei de todas as formas possíveis não deixar isso me abalar, tentei interagir mais com a minha turma e até com as outras, fiz o possível pra ter novas amizades mas nada adiantou e o sentimento de vazio foi crescendo cada vez mais. No fim do ano, conheci um garoto 5 anos mais velho na internet (que chamarei de Gabriel aqui), e nos conhecemos por um acaso do destino na virada do ano, então eu tive certeza que tinha me apaixonado por ele mas nós nos afastamos, então namorei 2 outros garotos (um antes do carnaval e outro depois do carnaval), o primeiro era muito gente boa, me tratava muito bem e tudo mais, mas o segundo me fazia sentir um completo lixo. Terminei o segundo namoro e voltei a falar com o Gabriel logo em seguida, contei pra ele tudo que tinha acontecido e ele me ajudou muito, todas as noites ele me ligava e a gente até as 3 da madrugada conversando, ele tocava umas músicas ora mim e enfim, o sentimento voltou muito forte. Nós saímos juntos, ficamos e no domingo passado eu fui na casa dele. O sentimento de solidão não parou desde 2018, eu criei traumas por causa do meu segundo namorado, não criei nenhum laço forte de amizade de 2019 pra cá e tenho crises de ansiedade constantes quando lembro de tudo que aconteceu nesses últimos 2 anos (foram muitas coisas, mas o texto ficaria extremamente longo caso eu contasse tudo), mas estranhamente quando estou junto com o Gabriel tudo parece mudar, como se o tempo voasse e eu me sentisse viva denovo. Ele não sente o mesmo por mim, é apaixonado por outra menina é descobrir isso quebrou meu coração, ele tem depressão alguns traumas do passado também (que não contarei aqui por respeito a ele), eu tento ajudar ele e talvez motivar ele a não desistir de nada, mas me sinto uma completa inútil quando vejo que amigas virtuais ele fazem isso melhor que eu, me sinto uma completa perda de tempo pra ele, sinto que não tenho valor nem serventia pq nem se quer consigo ajudar alguém que eu tanto amo. Meu coração tem acelerado todas as noites na última semana, eu tenho me sentido cada vez mais insignificante e ridícula, um vazio tem tomado conta da minha alma cada vez mais. Eu sei que parece idiota e peço desculpas por te fazer perder seu tempo. Muito obrigada por ler e se tiver um conselho eu agradeço de coração
submitted by OtakaLixo to desabafos [link] [comments]


2020.08.06 08:16 karineramos Um turbilhão de sentimentos

Já faz um tempo que venho guardando mais os meus sentimentos para mim, antigamente eu era uma pessoa totalmente expressiva e que não tinha medo de sentir o que esteva acontecendo comigo naquele momento.
Entretanto, de um tempo para cá isso vem entrando em constante mudança, tudo começou em 2018 quando me afundei por completo e tudo complicou na minha vida, mas aí eu comecei a sair com uma menina, era uma coisa nova, nunca tinha ficado com nenhuma pessoa do mesmo sexo antes, principalmente pelo fato de meus pais serem extremamente contra. Depois de um tempo a gente brigou e eu achei que tudo ia voltar a ser como antes, mas pelo contrário isso me fortaleceu extremamente.
O problema foi no início do ano seguinte quando a máscara das pessoas a minha volta começaram a cair, então decidi mudar totalmente o que eu já tinha me acostumado, parei de andar com as pessoas que andava antes, entrei em um novo grupo, comecei a falar com novas pessoas. Como eu disse máscaras caíram, fui traída pelo menino que eu estava namorando, uma das meninas que mais andava comigo falou mal horrores pelas minhas costas e assim eu segui a vida em torno de mudanças constantes.
Esse ano parece que foi um choque de realidade, um professor que havia sido afastado voltou, ele já assediou algumas alunas antes e isso me dá um extremo medo dele, eu agora tenho pessoas que posso contar no dedo a minha volta e meu melhor amigo que conheço a 8 anos está apaixonado por mim.
Tentei lidar com essas coisas sozinha e acabei caindo de novo naquele poço de 2018, meus pais querem se mudar e eu acho que essa opção seria fantástica, afinal eu viria para uma cidade pequena e me afastaria dos problemas, mas sei que deixaria muita coisa para trás e acho que eu tô pronta pra isso.
Em relação a alguns problemas eu sei que não vou resolver e isso me faz muito mal por que sempre soube o próximo passo, o escuro é um belo inimigo.
submitted by karineramos to desabafos [link] [comments]


2020.08.04 15:57 LEGASTRONDA Aquele em que eu (minha mãe) quase levamos um processo/boletim de ocorrencia por "bulling"

Ola luba, gatas editores, turma, queixo do luba e vulto passando pela porta, eu irei contar um historia q a conheceu em 2019 e gostaria de saber, eu sou o babaca?
Aquele em que eu (minha mãe) quase levamos um processo/boletim de ocorrencia por "bulling"
Contexto: Em 2017 (ou 2018) chegou uma menina nova na minha sala, em algums meses eu fiquei amigo dela e eu e meu grupinho era formado por mim, ele, tchola 1 e tchola 2. Eram muitos amigos. E todos sabiam do meu jeito zoeirao huehue BR.
Eu zoava todos e todas (eu sei q é dificil de entender mas ninguem ficava brabo/triste com isso pq quando eu via/me contavam q alguem realmente se ofendeu com uma zoeira eu imediatamente conversava com essa pessoa e parava com isso) enfim, meus amigos do grupinho sabiam isso mais q todo mundo. Em 2019 nossa escola trocou de sede e eu perdi o contato com eles. Nos nos falavamos mas nao era igual. No começo do ano eu descobri a maravilha de fazer figurinhas com foto zoada das pessoas (o q era comum na nossa turma) o q eu fazia: eu tirava uma foto aleatoria de uma pessoa, e mostrava pra ela, e se ela falasse: "nao faz isso" ou "apaga isso" eu não fazia a figurinha, a questão é q quando eu tirei uma foto da minha amiga eu nao perguntei pra ela , e do ponto de vista zoeiro a foto tava muito boa, algumas semanas depois ela me manda uma mensagem (eu nao me lembro como era, mas era basicamente:) "Quero renvidicar os meus direitos sobre minhas fotos" Ela mandou no grupo da sala isso (e se tinha uma coisa q eu sempre deixei claro é: se quizer falar serio comigo nao fale comigo em grupos sempre no pessoal. Alguns meses a diretora me chama pra falar sobre isso (sem eu saber o q porra tava acontecendo) ela me disse q a menina estava muito ofendida, q ela estava sofrendo bulling. Eu assim q cheguei na sala eu apaguei a figurinha e falei pra todos os amigos q eu mandei a figurinha para apagar. Bem eu não me lembro o q aconteceu cronologicamente entao aqui vão algumas notas: 1: ela saiu da escola no meio do ano 2:ela disse para os meus "amigos" q eu estava humilhando ela pela aparência, sendo q quando ela chegou (2017 ou 2018) um mlk q eu era meio amigo faziam bulling de verdade com ela, e eu falei pra eles pararem e deixei de ser amigo deles e fiquei amigo dela. Eu até fiquei apaixonado por ela ( do mesmo modo do luba com a sua ex-lesbica) 3:eu sei q o luba não tem uma. 4: em uma aula de matematica uma colega minha disse q na tarde passada ela viu a mãe da menina, do tchola 1 e do tchola 2 conversando com a diretora. E ela disse q eles estavem montando um boletim de ocorrencia contra mim/minha mãe. Na hora eu quase chorei. Menos de 3 dias minha mae foi chamada na escola, só q ela viu q eu não estava totalmente errado. 5:em uma aula de filosofia teve um "debate" sobre bulling e eu disse q em alguns casos a pessoa q "fez" bulling nao sabe e q nessa situação o dialogo era algo mais do q vital. Isso causou um mini caos na sala.
Acho q isso foi o ultimo acontecimento, no final nao deu nada e ela só saiu da escola. E eu continuei amigo dos tcholas. Eu só queria deixar claro q ela em nenhum momento tentou resouver isso diretamente comigo. Ela preferiu quese me processar a mandar uma mensagem dizendo "apaga a figurinha".
Acho q foi tudo, então.... Am I the asshole?
submitted by LEGASTRONDA to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.02 21:55 giov_luzz Fui "traida" 2 vezes pela mesma pessoa

Oi Luba <3 Oi editores e quem está lendo isto! Eu gostaria que falassem uma definição para essa história.
Bom, tudo começou no final de 2018. Eu estuda em um colégio mas no proximo ano eu iria me mudar de escola. Eu não gostava muito da escola porém era o que tinha. No final de 2018 eu comecei a conversar com um menino, vamos dar o nome dele de Renato. Renato era um garoto não tao social, era meio triste mas era bem engraçado. A gente tinha bastante coisas em comum e com o tempo a gente foi se conhecendo mais e saindo tambem. Ele tinha um grupo de amigos (que até hoje eu não curto eles) porém, um dos melhores amigos de Renato gostava muito dele e como eu era uma amiga nova do Renato, o amigo dele (Vamos dar o nome de Lucio) ele me odiava por isso, ou era o que aparentava. O tempo ia passando, eu ia gostando mais do Renato e Lucio sempre dava um jeito de atrapalhar, e isso era bem chato e infantil. No final de 2018, eu tinha uma amiga que se chamava Elisa e ela era bem amiga do Lucio. No reveillon, O grupinho do Renato sairam pra beber e afins, e Elisa me chamou para ir junto. Eu fui, mas fiquei conversando com o Renato (Ele era bem timido, não tinha nenhuma iniciativa pra nada) Entao eu tive que voltar pra casa de uma amiga enquanto Elisa estava lá com eles. Beleza, eles beberam tudo. Ficaram muito loucos. Um tempo depois eu soube que Renato e Elisa tinham se beijado, eu bloqueei os dois mas depois de um tempo eu desbloquiei, eu estava muito triste e o Renato dizia ter se arrependido e tals. E a Elisa me pediu desculpas mas eu nem liguei muito.
Em 2019 basicamente eu perdi o contato com o Renato, mas eu ainda tinha algo por ele.
No final de 2019, mais ou menos em outubro/setembro por ai, eu chamei o Renato de novo. A gente ficava conversando sobre séries e até saimos de volta, ele tinha mudado de colegio e eu tambem. Estava tudo bem, o sentimento que eu tinha por ele voltou e a gente ficou "deboa". Mas nessa vez, ele havia uma amiga nova. Eu não conhecia ela, por que aliás era de outro colégio. Essa menina se chamava Maryna. (nOmE fIcTicio ObViO) Ela dava em cima de todo mundo, eu nunca liguei pra isso. Por que alias, eu nem a conhecia...
Até um dia Maryna, começar a postar muita coisa com o Renato, como se fossem um casal e pipipipopopo. Eu fiquei muito pistola e começei a xingar ela pra uma NAJA. A dondoca foi lá e falou tudo pra Maryna, ficamos de rivalidade por um tempo. Ela tinha me dado block em quase tudo e tals. Nao julgo faria o mesmo E no reveillon, DENOVO O RENATO FICOU COM A MARYNA. Eu vi eles no reveillon, aquilo me doeu. Eu nunca mais falei com o Renato, e a ultima vez que falei ele foi super seco e estupido. Ps: Eu não tenho nada mais contra com a Maryna, eu até gosto dela. Achei minha atitude de brigar por aquele babaca ridiculo.
O que acham? k
submitted by giov_luzz to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.01 17:52 Natalia_Richarde2020 O DIA QUE FUI AMEAÇADA DE MORTE PELA EX

oi luba, turma, gatas maravilhosas, papeis assassinados, editores e possível convidado (que quase nunca tem), hoje vou contar minha triste historia de como fui corna e traída por amigos. bom luba essa é a minha primeira vez participando e espero muito que goste da historia.
ps: estou repostando, pq a anterior tinha alguns detalhes faltando e alguns erros de português ( me perdoe se ainda conter alguns), mas sem delongas vamos a historia.
Eu tinha uma amiga e a gente era bem próximas no período do ginásio e aí quando fomos para o 1° ano do colégio (2015) foi quando eu conheci um menino e a gente sempre foi próximos e por mais que ele trocava de turno na escola (por conta de trabalho),mas isso não interferia nossa amizade e nessa época ele começou a namorar essa amiga minha e cara eu shippava eles pra caralho e sempre apoiava e tudo mais, mas quando foi no 3°ano do colégio (2017) eu e esse meu "amigo" ("amigo" pq eu considerava ele mais um irmão) a gente caiu na mesma sala e aí ele sempre me pedia conselhos sobre o namoro pq segundo o que ele me contava, ela era muito infantil no namoro e tinha ciúmes demais e ainda tinha ciúmes de mim e tipo sempre dei conselhos para ele conversar com ela e assim se resolverem e essa amiga minha em vez de chegar em mim e perguntar as coisas para mim, ela simplesmente mandava outras pessoas perguntar sobre minha relação com o namorado dela e bom sempre fui sincera e sempre falei que considerava ele como meu irmão e que eu e ele não tínhamos nada. Mas ela sempre vinha com as criancices e tudo mais e depois dele passar o ano todo nesse chove não molha ele pediu mais conselhos para mim sobre e eu já tinha dado vários conselhos e o namoro deles não melhorava e o mais sensato quando isso acontece é o término (principalmente quando o diálogo não funciona mais) e aí eu falei para ele que se não tinha jeito que ele terminasse com ela, pq eu não queria o meu irmão sofrendo e assim ele fez e nisso começou o inferno, pois, ele começou a ficar com uma outra amiga nossa e ela começou a xingar eu e essa menina para o colégio todo e sempre quando alguém ia tirar satisfação, bom se fingia de que não tava fazendo nada e que os outros queria envenenar ela para nó,s blz os dias foram passando e aí eu e ele começou a ficar mais próximos, pois a gente cantava no mesmo ministério e aí a gente acabou começando a ficar serio e após 1 mês e começamos a namorar e aí a ex dele veio de mimimi para o meu lado sobre ele e dizia que ele amava ela ainda e aí eu contei que a gente tava namorando e tudo mais e que ele já tinha esquecido ela e que era pra ela seguir a vida dela(maldita hora que fui falar isso) essa menina começou a nos perseguir e nesse meio tempo conheci uma menina (meu namorado que apresentou ela)e ela se tornou uma irmã e ela sempre me ajudava em tudo ( guarde essa "melhor amiga/irmã", pois ela é importante), bom essa ex dele começou a nós perseguir e me atormentar e vindo conversar comigo no whatsapp (na maioria das conversas era nós duas brigando) e vinha postando indiretas para mim (e eu como uma boa pessoa retribuía as indiretas, com outras indiretas) e nessa época eu trabalhava e meu namorado sempre ia lá e passava um tempinho lá para me ver, mas teve um dia que ela viu ele lá e foi lá e sentou do lado dele e começou a me provocar tirando fotos dele e postando com legendas fofas e logo depois ela foi na mulher que cuidava do caixa e era amiga dela (essa mulher era bem próxima minha, era quase uma mãe no trabalho, foi ela que me ensinou tudo e me ajudou com tudo sempre, ou seja ela sabia da historia e ela iria me defender e me contar) e essa garota começou a falar que eu tava atrapalhando o namoro dela com ele e falando outras coisas além disso e tentando me envenenar para ela e meio que querendo que eu perdesse meu emprego, mas essa mulher já sabia da verdade e apenas acalmou ela e falou que se ela namorasse ela o pq de quando ele caiu de moto eu que estava lá do lado dele no hospital e não ela e quem cuidou dele foi eu e não ela e outras coisas e nisso ela saiu e a mulher veio conversar comigo e falar o que ela tinha falado e nisso eu comecei a chorar e tudo mais, pois meu psicológico tava totalmente abalado e estava totalmente frustada com tudo ( e também tinha medo dessa menina fazer eu perder meu emprego, pois era meu refugio aquele trabalho e por mais que era difícil lidar com as pessoas, aquele trabalho me fazia esquecer dos problemas em casa e no pessoal) e aí passou um tempo e ela ainda estava atormentando e um certo dia ela veio falar para ele que tava grávida dele (pois eles tinha feito fuc fuc 1 mês antes da gente começar a namorar ou seja, quando a gente estava ficando serio) e aí ele veio até mim e me contou tudo e eu perdoei ele e aceitei ele mesmo tendo um filho com ela e que estaria aqui para ajudar ambos no que precisar e umas horas mais tarde ela apareceu e começou a forçar ele a terminar comigo e ele falava que não ia terminar e ela ficava insistindo e aí eu perdi a cabeça e comecei a discutir com ela no meio da praça e todos olhando (puta vergonha que passei), mas aí como eu vi que ele não estava bem parei de discutir e ele foi conversar com ela e até que conseguiu fazer ela ir em bora e ai ele decidiu não assumir a criança, porém ajudar financeiramente ela e ela não aceitava essa ajuda nossa e fazia altos dramas ( de como ia ser o filho dela sem pai presente e tudo mais) e até que um dia a gente fez ela fazer exame para a gente realmente saber se era verdade a gravidez (como ela tinha uma certa fama de destruir relacionamentos dos outros, a gente foi ter certeza se procedia a história) e aí no dia que eles marcou os exames, meu namorado ia com ela neh, porem ela não esperou ele e tirou sangue sem ele e isso aí já fez a gente suspeitar da procedência do exame (pq o laboratório não era tao confiável), mas aí passou uns dias os resultados chegaram e dizia que ela tava realmente grávida e ainda sim existia a dúvida de ser dele e ela ainda continuava infernizando a gente e aí sempre que eu pedia conselhos para aquela "amiga" minha, ela sempre falava para mim terminar com ele e nunca me apoiava e tudo mais e isso me fez ter um pulga atrás da orelha sobre fidelidade dela (mesmo ela falando que ele não fazia o tipo dela, pq ela pode estar mentindo e a fama dela não era tão boa assim, tanto que tinha vindo pessoas me alertar sobre ela) e comecei a ficar esperta, pq meu namorado sempre que a gente ia sair ele gostava de passar na casa dela e tudo mais (e também comecei a ficar alerta, quando meu cachorro avançou nela, sendo que ele é amoroso e tem teorias de que cachorro tem o sentido de descobrir que não tem boas intenções e isso já me deixou encafifada e também teve um dia que a gente foi na casa dela e eu meio que me senti excluída ) e aí um dia a gente marcou de ir eu, meu namorado e a ex dele para a gente sentar e conversar sobre e bom esse dia chegou e após muita discussão ele me escolheu e ela não queria aceitar e começou a fazer chantagem e ainda mandando indiretas para mim por celular e a gente discutia sempre no whatsapp e aí teve um dia que ele foi por um ponto final e aí ela me ameaçou de morte e tudo mais (pse ele gravou um áudio sem ela perceber e ela me ameaçava e falava que se ela não podia ficar com ele, que eu não ia ficar e que ela poderia ir pro inferno por me matar, mas ela não se importava) e quando descobri isso fique desesperada e com medo e com raiva por ele nunca por um ponto final e tudo mais e isso tava me fazendo perder muito cabelo e eu ter crises de ansiedade, pois estava aguentando essa barra toda sozinha, pois não tinha apoio de ninguém (minha mãe sabia do namoro, porém nunca fui de dividir os problemas com ela e ela amava meu namorado) e aí um dia a ex dele teve um aborto espontâneo e aí ela parou de nós infernizar (esqueci de falar que ela sempre falava que ele só está a comigo para fazer ciúmes nela e tudo mais kkkk sendo que ele odiava ela) e aí a gente começou a ter paz, porém ele começou a ficar mais distante (ele falava que eu era a que tava distante, sendo que eu sempre fazia textinho e ele sempre falava as mesmas coisa que ''ele estava surpreso e não sabia o que dizer'' e demais desculpas esfarrapadas e até gastei 150 reais em uma aliança nova, pois eu tinha perdido a outra numa viagem e cara sempre fazia surpresas eu dava 100% de mim e ele nem 50% dele e isso me deixava muito triste e insegura comigo mesma) e um dia ele foi trabalhar em uma festa e aí ele me traiu com uma outra amiga nossa e ele falou que não foi culpa dele e que a menina que tinha beijado ele e tudo mais (e eu a trouxa perdoei)(esse rolo todo foi em 2018) e aí o ano passou e faltando 2 semanas para acabar fevereiro de 2019 ele me pediu um tempo e nesse período aquela minha "amiga" começou a postar fotos com ele com legendas fofas e tudo mais e era todos os dias praticamente e aí eu me afastei dela e aí nesse período saiu o resultado do meu vestibular e eu consegui passar aonde eu queria e aí eu e meu namorado marcou de conversar e resolver o nosso namoro (pq eu tava quase indo para outra cidade por causa da faculdade) e a gente foi no dia que a gente completava 1 ano de namoro e aí ele chegou deu feliz 1 ano e aí começou a falar que me amava,mas que ele tinha medo de eu ir para outra cidade e trair ele ou conhecer alguém melhor que ele e tudo mais (sendo que qualquer babaca seria muito melhor que ele e serio eu trair ele? esses medo era pq ele era o infiel da relação)e aí ele falou que se eu queria terminar com ele e aí eu falei que seria melhor a gente terminar, pq se pra ele nosso relacionamento a distancia não ia funcionar, então para que continuar e aí ele veio me abraçou e começou a chorar, porém percebi que aquele choro não era muito verdadeiro e aí eu chorei vindo para casa, mas era um choro dele alívio e um pouco triste por ter que contar para minha mãe que a gente tinha terminado, pois como a gente terminou eu estava tranquila que eu não iria sofrer mais e assim iria para outra cidade e não precisarei conviver com aquelas pessoas e aí alguns meses após o término meu ex veio conversar e pedir desculpas por tudo que ele tinha feito e pedir uma segunda chance, pois ele tinha se arrependido de tudo (pq ele tinha namorado e essa menina tratou ele tão mal, quanto ele me tratou e aí ele se deu conta das merdas que ele fez com quem realmente amava ele e que sempre cuidou e quis seu bem), porém após esse término eu comecei a ter mais alto estima e perceber que eu merecia alguém muito melhor e que ele e aí eu naturalmente dei um fora (ele começou a falar coisas do tipo ''você fazia cursinho fora e você acha que eu não iria desconfiar de algo'', insinuando que eu tinha traído ele e eu me estressei e comecei falar e por pra fora tudo e ai ele viu o quão errado ele estava) e uns dias depois um amigo meu veio me contar que esse ex meu tinha ficado com essa "amiga" minha um pouco depois que a gente terminou e eu fui e perguntei para ele e ele me confirmou e aí eu cortei minha amizade com aquela "amiga" e aí ele queria continuar a amizade comigo e eu aceitei, porém sempre fui fria e aí ele veio reclamar que eu não era a mesma e que eu estava fria com ele e aí eu falei que depois de tudo ele queria ainda que eu fosse igual com ele e fingisse que tava tudo ok e aí ele parou de falar comigo, por atualmente eu já os perdoei e queira que ele sejam feliz, contei para minha mãe os reais motivos de eu ter terminado com ele uma semana depois de ter me mudado para outra cidade, pq eu não tinha coragem de contar cara a cara e aí lubinha atualmente eu encontrei alguém que realmente me ama e me valoriza do jeito que sou e sempre me anima e sempre está disposto a tudo por mim, tanto que foi ele que me apoio a vir contar para você essa historia (eu e ele te assiste e então sempre que a gente joga a gente usa algumas frases suas), bom lubinha tenho algumas prints das conversas e queria muito poder deixar aqui para você ver, mas não sei como faz para colocar kkkk, a já ia esquecendo de contar que essa ex namorada dele sempre tentava fazer meu amigos se virarem contra mim, porem não conseguiu e então é isso lubinha essa é minha historia de quando fui traída em um relacionamento e em amizades . bjs lubinha e obrigada por todas as noites de diversão que você me proporciona (principalmente com o quadro nice mendigos e sempre coloco eles quando estou com crise de ansiedade ou insonia, pois me ajuda a acalmar e dormir) e caso queira julgar quem foi o babaca da historia pode ficar a vontade (apesar de eu achar que todos foram kkkkk). é isso lubinha,bjs e desejo todo o sucesso do mundo para você, seus editores e turminha. então é isso bjs lubinha, amo você.
submitted by Natalia_Richarde2020 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.31 01:33 Felicity4Now O mundo dá voltas, meu amigo

Oi queridos, tudo bom com vcs? Essa é minha primeira vez no reddit, mas fiz o login mais pra desabafar essa história que está pesando demais pra mim. Postei essa história em outra pagina, mas vou postar nessa tbm. Quem não gosta de histórias deprimentes e longas, pule esse post.
Tudo começou faz 2 anos, em 2018, qdo eu fui para o oitavo ano e resolvi me mudar de colégio pq eu não me dava bem com os colegas da escola anterior (quer dizer, sempre fui meio excluída em todas as escolas que estudei mas enfim). Para a minha surpresa, o pessoal desse colégio aparentemente tinha me aceitado e fiquei mto feliz, finalmente tinha me sentido incluída na escola, deu até um alívio. Mas bem, a história não eh exatamente sobre isso, é sobre oq eu vivi com um amigo meu, vamos chamá-lo de Clóvis. Nunca tinha tido amigos piá, mas nesse ano foi diferente, me dei melhor com os piá do q com as guria. E para a minha surpresa, Clóvis foi, e sempre será, meu melhor amigo, por mais q ele tenha até me esquecido.
A primeira vez q vi Clóvis, ele já me atraiu, sim gente, comecei a ter um crush nele, mas eu ignorei, achei q era coisa da minha cabeça. Enfim, no início, Clóvis era uma pessoa super legal, extrovertida, gente boa, zuera, e foda kkkk. Mas... dps eu descobri q ele tinha depressao, hj eu entendo q a maior parte das pessoas q riem dms são as mais tristes por dentro... sei pq isso aconteceu cmg tbm, mas vou deixar isso pro fim. Por conta da depressao, tentei ajudar Clóvis de todas as maneiras possiveis, dava conselho, brincava com ele, tentava animar ele, mas ele sempre tentava se matar, sem sucesso graças a Deus. Mas isso fez com q meus sentimentos ficassem confusos, pq eu n queria, tipo, namorar alguem baixo astral, já q eu era tbm. Eu sei exatamente oq vcs estão pensando agora, sou uma ignorante msm, eu concordo, n precisam ficar jogando na minha cara pq eu já sei blz?
Enfim, como eu tava mto confusa, acabei me enganando e achei q estava gostando de um amigo dele (vamos chamá-lo de Roberto). Roberto era um cara foda tbm, gente finíssima, alegre e tals, até q ele me pediu em namoro no mês de Maio, mas eu recusei. Dps, Clóvis me pediu em namoro, e eu recusei tbm, n queria arranjar encrenca entre os 2. Mas, no final do mês de Agosto do msm ano, começou a merda. Eu n me lembro mto bem o motivo, porem briguei feio com Clóvis e comecei a namorar o Roberto. SIM, oq eu n queria aconteceu, treta total meus amigos. Vcs devem estar pensando: “mds q BURRA”, pse, eu tbm penso isso de mim tá? Mas n dá pra eu voltar no tempo.
Assim, o namoro q eu tive com o Roberto foi meio q uma amizade colorida (pra vcs terem uma ideia, se beijamos apenas 2 vezes em 8 meses ksks). Na fase auge do namoro, entre Agosto e Outubro, Clóvis continuava brigado cmg, até pq dava pra ver q ele tava super puto cmg por n ter sido aceito, se sentiu trocado e humilhado (tá gente, eu tava confusa, n taquem pedra em mim pq eu já taquei um monte já, pfv). Mas dai no final de Outubro a gente conseguiu fazer as pazes e continuamos bons amigos, junto cmg namorando o Roberto.
Outro ano se passou e todos continuamos estudando na msm escola, ou seja, continuou essa msm confusao, msm com tudo resolvido. Até que, no final de março de 2019, terminei com Roberto, pq ele tinha sido mto imaturo cmg e eu n permiti mais isso, e percebi q n fazia sentido eu ter namorado ele, até pq eu descobri mta coisa ruim dele tbm, mas n vamos entrar em detalhes (caso queiram saber, eu continuo amiga de Roberto hj em dia, pq odeio guardar mágoas das pessoas, ou eh pq sou mto trouxa, enfim).
E dps disso, Clóvis ataca novamente. Ele começou a me paquerar, quer dizer, ele nunca parou, mas foi mais forte dessa vez, e a gente foi contruindo uma relacao ao longo do ano, uma relacao mto, mas mto forte. Continuávamos bons amigos, mas a gente era REALMENTE melhores amigos mais aquele lance de paquera, até pq descobri q nunca tinha parado de gostar dele. (ss, Roberto aparentemente levou um chifre discreto, mas n vamos entrar em detalhes).
Continuando, eu infelizmente tive q mudar de colegio, por conta dos professores, q por mais q eu tirasse nota 10 nas provas eles me humilhavam junto com todo mundo, e por conta das minhas amigas, q andavam me excluindo do grupo delas. Mas minha amizade com o Clóvis foi longe dms, eu acabei dando mto em cima dele sem nem perceber direito e ele se iludiu cmg. No final do mês de Novembro, ele me pediu em namoro.... e advinha oq eu falei? NÃO Serio gente, eu disse não. Ai ai, nem eu creio, mas vamos continuar. Eu disse não por vários motivos, entre eles: 1- Não podia namorar, principalmente pq meus pais n deixam e meio q peguei trauma da historia com o Roberto (chorava todo dia pq odeio mentir, me fez mto mal); 2- Tinha medo q ele se revelasse pra mim e me magoasse, até pq ele eh super negativo e enfim; 3- medo de aceitacao da familia dele; 4- paranóias; 5- medo de começar o namoro e dps ele me largasse; 6- trauma do Roberto; 7- Ficar com depressao por conta do namoro, até pq eu fico mal vendo ele mal; 8- me arrepender.
Tá, podem parecer motivos absurdamente imaturos, mas se coloque no meu lugar, eu sou imatura gente, dclp.
Logo, Clóvis ficou de mal cmg por uma semana, n soube como aceitar aquilo. Mas dai, ele aplicou o golpe baixo dps, o mar diminuiu e dps veio o tsunami, se eh q vcs me entendem.
Ele resolveu q queria ser meu amigo dnv dps de uma semana brigado cmg. Eu achei estranho, mas aceitei ele de braços abertos, ate pq odeio guardar rancor, como disse anteriormente. Mas... ele nunca mais foi o msm, ele ficou mto estranho cmg a partir dai. Ele começou a me sacanear, a zoar dms cmg, mas achei q era coisa da minha cabeça e entao deixei neh.
Até q, no inicio de Março de 2020, era meu aniversario, e Clóvis sabe q eu amo comemorar nesse dia pq adoro festas. Entao, ele simplesmente me bloqueou. Eu n entendendo nada, fui falar com o irmao dele perguntando se tinha acontecido alguma coisa com o Clóvis, e ele me falou q Clóvis estava bravo cmg por conta do q eu fiz. Como já tinha se passado meses, eu achei q ele tinha já superado tudo isso, mas n.
Bem gente, foi ai q veio o tiro. Dps de horas sem me responder, ele me vem me desejando feliz aniversario, me chamando de corna tbm (ele tinha esse costume de me chamar assim por conta do Roberto). Mas eu n curtia mto isso, na maioria das vezes ignorava. Eu fiquei tao triste com aquilo, pq poxa, eu achei q tinha acontecido alguma coisa seria com ele ou q ele tava com raiva de mim, entao, bloqueei ele e fiquei sem falar com ele ate o final do mês. Mas já n aguentava mais, eu amava aquele cara (por mais q eu tenha feito mta coisa ruim). Perguntei pro irmao dele se estava tudo bem com Clóvis, e ele disse q ss.
Logo, me vem uma amiga dele me mandando direct pelo Insta e me falando q ele queria falar cmg. Pensei bem, e como n gosto de guardar rancor, desbloqueei ele. Se eu pudesse voltar no tempo, n teria feito isso de jeito nenhum gente, pq oq aconteceu dps parte meu coracao ate hj.
Conversei com ele e ele falou tudo oq eu queria ouvir, q sentia mto e q ele havia agido com mta imaturidade, disse q eu tava confusa com meus sentimentos e q ele devia ter me entendido antes. Ai gente, eu tinha ficado tao, mas tao orgulhosa dele! Qdo ele falou tudo aquilo, eu senti um alivio, até pq eu n precisava mais sentir aquela pontada de culpa q eu sentia todo dia. Q nada gente, o pior foi dps...
Uma semana se passou, e ele me bloqueou, sem deixar rastros. Fui perguntar pra amiga dele pq q ele tinha feito aquilo, e ela jogou um balde de agua fria em mim. Disse q eu n entendia nada e q eu tinha colaborado pra depressao dele, q eu só fiz mal pra ele e q eu devia me sentir arrependida diante disso. Eu como qualquer ser humano, tentei me defender na hora, tentando achar razao em mim, mas dps de uns meses percebi q realmente, eu sou uma monstra.
Pedi pra ele me desbloquear pra gente conversar, e foi uma burrice. Ele falou q eu tinha arruinado grande parte da vida dele e q eu q joguei ele no inferno q a vida dele eh, e mto mais coisas ruins q vcs n precisam saber.
Eu me senti acabada, principalmente pq a gente tava tao bem e eu achei q a gente ia conseguir seguir em frente sabe? Eu tinha esperança daquela amizade maravilhosa continuar com tudo. Achei q a gente ia festejar mais festas juninas, zoar, sair pros rolê, se divertir, cheirar pó de giz (KKKKK), entre outras coisas aleatorias. Sabe, eu amava mto ele, mas dps disso tudo oq eu fiz, era de se esperar q ele ia me dar esse tiro.
No inicio, eu tentei me esquecer dele, xingar ele, pensar coisas ruins sobre ele, tentar botar a culpa nele. Achei q em umas semaninhas ele ia voltar pra mim, mas n, ele sumiu...
Ate q, com esse sumiço, comecei a me dar conta do q q eu realmente fiz. Como pude ser tao cruel? Só pensar nos meus sentimentos e n nos dos outros? Como q eu consegui agir achando q era certo qdo na vdd era errado? Gente, eu comecei a me sentir, tao, mas TAO culpada, q a culpa até dói.
Eu sei q vcs devem ta pensando: “Ta, fez e recebeu, eh lei do retorno, lei da acao e reacao”. Mas gente, eu tava tentando ser feliz uma vez na vida, tava tentando ser aceita, e isso nunca tinha acontecido cmg e me confundi dms. Achei q tava fazendo o melhor qdo na vdd eu n deveria ter namorado ninguem isso sim. Mas eu n posso voltar no tempo...
Enfim, abril e maio se passaram, e eu comecei a manifestar sintomas de depressao, por conta das coisas da escola, por conta da cobrança, e principalmente, por conta dessa situacao, pq comecei a sentir mta culpa msm. Fiquei doente do estômago por conta de tudo isso e ainda to meio mal, n consigo comer como antes tbm. Tentei falar com Clóvis umas dezenas de vezes, mas msm assim n tinha papo.
Até q junho começa e me chega uma solicitacao no direct do Insta, era uma menina (vamos chamar ela de Folks), me pedindo dicas pra gravar videos, ate pq eu posto mto video no Insta pra ver se eu me esqueço de tudo isso. Comecei a conversar bastante com ela, principalmente pq ela eh incrivelmente incrivel. Ate q um dia eu tava bem bad e falei sobre todos os meus problemas com ela, e ela me disse... q ela era amiga do Clóvis.
Na vdd sempre desconfiei q ela era amiga dele, por conta de varios motivos, mas n vou ser especifica. Mas n deixou com q eu n ficasse em choque com Folks. Desde entao, ela tem tentado me ajudar a superar isso, conseguiu convencer Clóvis a falar cmg e enfim.
As conversas q eu tive com Clóvis, mais pioraram do q ajudaram, até pq ele dizia q me perdoava, mas q n conseguia nem falar cmg e nem voltar a ser meu amigo. Eu entendo ele pq nem eu to aguentando mais a minha presença. Mas, isso n deixou de doer em mim... E qdo ele me disse q tinha conseguido me esquecer e conseguiu me trocar pela Folks, foi a gota d’água...
Sabe, eu n sabia q eu podia ser trocada como um objeto, achava q era coisa da minha cabeça. Mas ele me trocou, e pela Folks ainda, q eu considerava e considero uma grande amiga...
Ah, o pior n foi isso q ele me falou. O pior foi qdo ele me disse q no inicio da nossa amizade, ele tinha intencoes ruins cmg... não, n eh relacionado a sexo ou coisa do tipo, eh coisa mais sombria. Eu n sei bem falar oq eh pq ele n foi mto especifico, mas isso me doeu tanto, pq eu sempre desejei o bem dele, por mais q eu tenha feito mta besteira com ele...
Entao gente, se eu n tivesse feito tudo isso, será q ele teria feito alguma coisa cmg? Eu sou a culpada ou ele? Nós 2 somos culpados? Eu devo me humilhar pro resto da vida? Ele q tem q se humilhar? Oq q eu devo fazer agora? Essas são duvidas q eu tenho, quem puder esclarecer ou tentar compreender a minha situacao, pfv me ajude. Oq vc faria no meu lugar? Se vc faria a msm coisa q eu, oq faria pra consertar?
Bom, eh essa a minha historia, q ninguem sabe o final... Dclp se foi uma historia mto deprê, mas eh q eu tinha q desabafar em algum lugar, serio msm.
submitted by Felicity4Now to desabafos [link] [comments]


2020.07.30 19:54 sushiestragado -O CARA ESCROTO

Ola Luba,editores,gatas e turma que esta a ler!Bom minha historia começa em 2018, já fazia1 ano que eu era escoteira,la eu já tinha conhecido um garoto que eu gostei mas ele saiu,logo depois entrou outro neste ano,bom eu não gostava muito dele,mas sei la por qual fuckin motivo ele começou a gostar de mim,e eu como sou idiota comecei a gostar dele sem MAS ou MENOS.Nesse role ai de eu gosto de você e você gosta de mim começou a pintar um clima,bom todos shippavam a gente e ate ai beleza,isso só em 2018.Beleza em 2019 as coisas começaram a ``esquentar´´um pouquinho e nesse ano eu meio que comecei a me sentir mal vontade de chorar e afins,minha amiga começou a gostar dele e ela e loira e tem olho verde ela e linda! E bom isso não iria me ajudar.....e então em um bivaque(dia de atividades escoteiras)nos estávamos plenos na cachoeira e ela começa a pular nele e abraçar e ele aceitou numa boa,eu fiquei pistola mas minha melhor amiga me acalmou,chegando em casa eu fui correndo ir tirar satisfação com ele,e ele me disse que estava gostando dela e dizia que eu não dava atenção pra ele apenas para o meu melhor amigo,na hora desmoronei,comecei a chorar muito,ouvi musica mas nada resolvia,no dia seguinte eu fui pedir desculpas a ele....pq eu sou idiota e era só oq faltava,ele aceitou e falou que tava doido dizendo que gostava dela,bom depois de um tempo eu comecei a fazer terapia pois como eu disse eu já não estava muito bem,depois de três meses na terapia eu recebo a noticia de que ele estava namorando uma menina que ele conhecia a um mês.......eu chorei e muito,o melhor e que neste dia eu estava muito pra baixo,falei para a minha terapeuta e ela me ajudou a superar tudo fiquei melhor e amadureci,depois do termino dele, ha.....ele vem coma cara de pau de me pedir desculpas e falar que sempre me amou.....eu não acreditei mas perdoei,beleza tudo estava bem,no ultimo acampamento de 2019 no fogo de conselho(fogueira na qual nos reunimos para fazer apresentações,e um momentos ``sagrado´´)a chefe falou coisas lindas me emocionei,no inicio de 2020 eu me sentia melhor como se o acampamento tivesse me ajudado a melhorar eu não chorava e nem ficava triste,eu estava feliz,bom depois desse tempo o menino teve a cara de pau de me dizer que tava gostando de mim de novo que me amava e que eu tava linda de cabelo curto e óculos,ate ai tudo ok beleza mas para a desgraça de todos,eu assim como muita gente acredito que tenham ou estão passando por duvidas em relação a sexualidade,eu disse pra ele que não estava interessada pois eu gosto de mulheres e afins,ele virou outro ser,me disse que eu estava perdendo meu tempo,que era um erro,ele me disse muitas coisas homofóbicas e machistas também,eu vi ele na rua e ele tentou me beijar depois eu dei um soco na cara dele por ser homofóbico e machista,eh isso:> um beijo <3
submitted by sushiestragado to TurmaFeira [link] [comments]


TAVA DANDO TUDO CERTO, MAS DEPOIS QUE VI ISSO... Pescaria ... A MENINA QUE SÓ QUERIA COMER DOCES VS A MENINA QUE SÓ ... Novos Baianos - A Menina Dança ('Acabou Chorare - Novos ... Essa menina dança muito! Aprende tudo sozinha. Nunca teve ... A MENINA QUE NÃO TINHA AMIGOS! COMPLETO - YouTube Luísa Sonza - Boa Menina - YouTube Mc Lucy - A Menina [Prod. Dj Gabriel do Borel] (Vídeo ... TRISTE: Ela era ZOADA na Escola, mas agora TUDO MUDOU ... MENINA FURANDO O PEITO, VEJA A REAÇÃO DELA 😦🤭 - YouTube

Esperando uma menina, Alok evela sonho com a filha que ...

  1. TAVA DANDO TUDO CERTO, MAS DEPOIS QUE VI ISSO... Pescaria ...
  2. A MENINA QUE SÓ QUERIA COMER DOCES VS A MENINA QUE SÓ ...
  3. Novos Baianos - A Menina Dança ('Acabou Chorare - Novos ...
  4. Essa menina dança muito! Aprende tudo sozinha. Nunca teve ...
  5. A MENINA QUE NÃO TINHA AMIGOS! COMPLETO - YouTube
  6. Luísa Sonza - Boa Menina - YouTube
  7. Mc Lucy - A Menina [Prod. Dj Gabriel do Borel] (Vídeo ...
  8. TRISTE: Ela era ZOADA na Escola, mas agora TUDO MUDOU ...
  9. MENINA FURANDO O PEITO, VEJA A REAÇÃO DELA 😦🤭 - YouTube

Pesca de Robalo no Mangue! Meu instagram https://www.instagram.com/sergio_bravo_sb/ Material: Caiaque Caiman 100 Motor elétrico Minn Kota 34lb Bateria EMG Pe... Clique aqui e ouça a música: https://umusicbrazil.lnk.to/BoaMeninaYD SIGA LUÍSA SONZA: https://www.facebook.com/LuisaSonza https://twitter.com/luisasonza htt... Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. A MENINA QUE NÃO TINHA AMIGOS! Essa novelinha é um video educativo que mostra a importância de não julgar as pessoas pela aparência e sim pelo o que a pessoa... Essa faixa pertence ao álbum 'Novos Baianos se Encontram', dos Novos Baianos. Para ouvir de graça, clique no link: https://SomLivre.lnk.to/NovosBaianosSeEnco... @marinapiercing FURE COM ELA O video de hoje é A MENINA QUE SÓ QUERIA COMER DOCES VS A MENINA QUE SÓ COMIA SAUDÁVEL INSCREVA-SE No Mundo da Vivi http://bit.ly/mundodaviviinscricao Assist... Realização 87 Records Artista: Mc Lucy / @emicilucy Música: A Menina Produção Musical: Dj Gabriel do Borel / @djgabrieldoborel Direção / Imagens /Edição: Max... Episódio Anterior: https://youtu.be/aPk0Sj7vhQU Meu canal T3ddygames Raiz (BETA): http://bit.ly/T3ddyGamesLive Facebook: http://bit.ly/T3ddyGG Playlist compl...